Aguarde...

ACidadeON Ribeirão Preto

Ribeirão Preto
mín. 20ºC máx. 36ºC

cotidiano

Polícia encontra mais partes que seriam do corpo de Yasmin

Adolescente estava sendo velada, quando restos mortais foram localizados no bairro Quitandinha; Jovem de 16 anos era natural de Ribeirão Preto

| ACidadeON/Ribeirao

Yasmin Nery, de 16 anos, foi morta de forma cruel (Foto: Redes Sociais / Reprodução )

Familiares e amigos ainda estavam no velório da jovem Yasmin da Silva Nery, de 16 anos, na manhã desta quarta-feira (13), quando a polícia encontrou mais partes do corpo da garota, em um bueiro no bairro Jardim Quitandinha, em Araraquara.  

A adolescente foi morta no último final de semana, em um crime que ganhou repercussão por causa dos requintes de crueldade. Iasmin foi atraída para casa de um adolescente de 17 anos. Lá ela foi morta e esquartejada. O autor, com a ajuda de uma garota com quem ele mantinha relacionamento amoroso, espalhou partes do corpo da vítima por Araraquara.  

Na segunda-feira (10), a polícia encontrou restos mortais dela em uma lagoa, em um bueiro e na própria casa do autor do crime. Yasmin foi enterrada no início da tarde desta quarta, em Araraquara. 

A vítima nasceu em Ribeirão Preto e viveu no bairro Planalto Verde, na zona Oeste, até os quatro anos. Por questões de trabalho, os pais da Yasmin precisaram mudar para Araraquara.

Crime bárbaro
Acusado de planejar e matar com requintes de crueldade a estudante Yasmin da Silva Nery, de 16 anos, no domingo (9), em uma emboscada, o adolescente de 17 anos, que confessou o ato e deu detalhes que aterrorizaram foi classifica do tendo traços de psicopatia. No entanto, ele pode estar em liberdade em 3 anos. Essa será a punição máxima prevista pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). 
Silvio Luiz Maciel, mestre em Direito pela PUC/SP, ex-delegado de polícia, advogado, professor, além de ser um estudioso sobre o ECA, afirma que, apesar da gravidade envolvida no ato infracional, o adolescente não pode permanecer mais que três anos cumprindo medida socioeducativa.
 
 
Apesar de popularmente ser chamado de crime, no âmbito jurídico, o homicídio cometido pelo adolescente é classificado como ato infracional. Na prática, responde a uma medida socioeducativa (ou ação penal caso fosse adulto). "Ele pode ficar internado temporariamente por 45 dias que é o equivalente a prisão preventiva do adulto", explica o professor. Caso seja condenado, a medida é comparada a aplicada ao adulto, mas a ressalva do tempo.

 
Distúrbio

A psicóloga Naiara Mariotto, ouvida a pedido do ACidade ON Araraquara, acredita que o acusado de matar Yasmin sofre de algum distúrbio devido a frieza com que ele relatou o acontecido e também porque, durante o depoimento para a polícia, não demostrou nenhum arrependimento. "Claro, que nem todas as pessoas que tem distúrbios psicológicos cometem crimes, mas do jeito que a história se apresenta, a frieza, o não arrependimento, é um indicativo que o rapaz tenha algum problema", diz ela.
 

Boa aluna

Yasmin estudava como bolsista no colégio Sapiens, um importante colégio particular de Araraquara, e era conhecida pela dedicação. A escola divulgou uma nota e suspendeu as aulas na terça-feira (11). "A direção, juntamente com professores, colaboradores e alunos, manifestam profundo pesar pelo ocorrido, formando uma rede de apoio e solidariedade aos pais e familiares."

Uma prima de Yasmin, a cozinheira Edivânia Maria da Silva, 35, fez questão de reforçar a violência como tudo ocorreu. "Eu era muito próxima a ela, foi muita brutalidade. Esse moleque acabou com a família." 
 
LEIA MAIS 
Caso Yasmin: Pela lei, adolescente será solto aos 20 anos e como primário

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Mais do ACidade ON