Aguarde...

ACidadeON

Voltar

cotidiano

Família reconhece corpo de homem resgatado em rua de Ribeirão

Populares o teriam encontrado caído e chamaram o socorro, mas ele já teria dado entrada sem vida à UBDS do Quintino II; caso é apurado pela Polícia Civil

| ACidadeON/Ribeirao

 

Caso foi registrado na CPJ da rua Duque de Caxias, no Centro de Ribeirão (Foto de arquivo: Weber Sian / ACidade ON) 

A família de um homem achado por populares caído em uma rua de Ribeirão Preto, na madrugada do último sábado (12), reconheceu o corpo da vítima. José Carlos Pereira, 45 anos, chegou a ser socorrido, mas morreu no mesmo dia em que foi encontrado.

De acordo com o boletim de ocorrência (BO), o homem teria deficiência mental e, segundo o relato da família, havia deixado sua residência sem retornar.  

Ele estaria sem documentos de identificação e apresentava hálito etílico, conforme o BO, e já teria chegado sem vida à UBDS (Unidade Básica Distrital de Saúde) do Quintino Facci II.  

Ainda segundo o BO, foi expedido encaminhamento para que o corpo passasse por exames no IML (Instituto Médico Legal) para identificação da causa da morte.  

O caso foi registrado como morte suspeita, na CPJ (Central de Polícia Judiciária) da rua Duque de Caxias, no Centro de Ribeirão, para apuração da Polícia Civil.

Você pode ajudar o jornalismo sério

A missão do ACidade ON é fazer um jornalismo de qualidade e credibilidade. Levar informação confiável e relevante, ajudar a esclarecer e entender os fatos, sempre na busca de transformação. E o seu apoio é fundamental. Ajude-nos nessa missão para construir uma sociedade mais crítica e bem informada.

Apoie o bom jornalismo.

Já é assinante? Faça seu login.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Mais do ACidade ON