Aguarde...

ACidadeON

Voltar

cotidiano

'Arrependido', diz motociclista suspeito de agredir idoso

Vítima de 74 anos reclamava de duas motos que estavam paradas incorretamente quando levou chute e soco nas costas

| ACidadeON/Ribeirao

"Estou arrependido e não sei o que vai acontecer. A minha vida virou de perna pro ar". 

A fala é de um sapateiro de 51 anos, suspeito de ter agredido um idoso de 74 anos que fotografou a moto dele estacionada irregularmente em uma vaga exclusiva para deficientes físicos. O homem se apresentou na tarde desta sexta-feira (1º) à Polícia Civil, em Franca e foi liberado após prestar depoimento.

O sapateiro, que não quis ser identificado, afirma que agiu após ter sido chamado de "bandido" e "malandro sem vergonha" pela vítima. "Ele estava muito nervoso e falando para mim que ia tirar foto da moto, que eu não podia tá parado lá. Então eu falei "olha, eu não sou malandro e nem sem vergonha" e me irritei com aquilo. Então vou mostrar para o senhor porque eu não sou malandro e nem sem vergonha. Aí eu desci da moto de novo e fui ao lado dele, na direção dele. Ele virou de costas para mim e saiu em rapidez. Aí eu dei um chute na perna dele e um murro do lado", relata.  

O caso aconteceu no sábado (26), no Jardim Progresso e foi filmado por uma câmera de segurança. De acordo com a vítima, que não quis ser identificada, o agressor tinha estacionado em uma vaga exclusiva para deficientes físicos e teria se irritado pois o idoso conversava com uma mulher que havia cometido a mesma infração.  

Segundo Fernando Goulart, advogado do idoso, a vítima tem uma mulher deficiente e decidiu processar o suspeito. "Jamais esperava ter sido agredido dessa forma. E o agressor vai responder pela lesão corporal grave com dois agravantes, motivo fútil e pela idade da vítima". 

O idoso relata ter tirado uma foto das duas motos, quando a mulher chegou. "Falei para ela que isso era uma falta de respeito. Ela tentou se justificar, que era só um minutinho, alguma coisa desse tipo".

Durante a conversa, o homem da segunda moto chegou. "Acabou a conversa ali, eu me virei e fui para entrar no mercado. A hora que eu virei, eu senti a pancada por trás", relata a vítima.  

Idoso quebrou o nariz e sofreu fraturas em Franca (Foto: Reprodução / EPTV)

A vítima afirma ter levado um chute e um soco na cabeça, que fez com que ele batesse o rosto inteiro no chão, quebrando o nariz. O idoso foi levado para um hospital, onde ficou cerca de oito horas em observação até ser liberado. 

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), a multa para quem estaciona, sem autorização, em vagas de idoso ou deficiente é gravíssima. O motorista infrator perde sete pontos na carteira e tem que pagar R$ 293,47. 

"A gente fica falando que hoje o mundo está assim, mas não está assim. Ele não pode estar assim. Então, alguém tem que fazer alguma coisa. A gente tem que denunciar, tem que reclamar. Não tem o direito de ser nem mal criado, nem agressivo. Como eu não fui e acho que ninguém deve ser". (Com EPTV)

Você pode ajudar o jornalismo sério

A missão do ACidade ON é fazer um jornalismo de qualidade e credibilidade. Levar informação confiável e relevante, ajudar a esclarecer e entender os fatos, sempre na busca de transformação. E o seu apoio é fundamental. Ajude-nos nessa missão para construir uma sociedade mais crítica e bem informada.

Apoie o bom jornalismo.

Já é assinante? Faça seu login.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Mais do ACidade ON