Aguarde...

cotidiano

Após saidinha, 47 presos não retornam a presídios da região

Detentos são considerados foragidos e deveriam ter voltado às prisões na última terça (5); por descumprirem o prazo, eles perdem benefício do semiaberto

| ACidadeON/Ribeirao

Penitenciária de Ribeirão Preto (Foto de arquivo: F.L. Piton / ACidade)
 
Após o encerramento da saída temporária do final de ano, 47 detentos não retornaram a três unidades prisionais da região de Ribeirão Preto, segundo a Secretaria da Administração Penitenciária e São Paulo (SAP-SP).  

O benefício concedido a presos do regime semiaberto teve início em 22 de dezembro e terminou na última terça-feira (5).
 
CLIQUE E SAIBA TUDO O QUE ACONTECE EM RIBEIRÃO PRETO E REGIÃO

Devido ao descumprimento do prazo, os presidiários passaram a ser considerados foragidos e perderam o direito ao semiaberto, que prevê as "saidinhas" como são popularmente conhecidas as saídas temporárias.

O número de detentos que não voltou às prisões é de 3,39%, se comparado com os 1.383 que receberam o benefício na região.

O CPP (Centro de Progressão Penitenciária) de Jardinópolis lidera a lista divulgada pela SAP, com 41 foragidos.  

Em seguida está a Penitenciária de Ribeirão Preto, onde quatro presidiários não retornaram para o cumprimento da pena.   

Por último vem a Penitenciária I de Serra Azul, com dois detentos na lista dos procurados.   

A Pasta informou que os dados, no entanto, podem ser alterados à medida em que novas informações surgirem.
 

Fonte: Secretaria da Administração Penitenciária de São Paulo (SSP-SP)


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON