Aguarde...

cotidiano

Loja tem fios furtados pela 2ª vez após incêndio em prédio vizinho

Comércio de extintores voltou a ser alvo de criminosos na madrugada desta quinta (8), no Centro de Ribeirão Preto; dono estima prejuízo de R$ 8 mil em apenas 2 madrugadas

| ACidadeON/Ribeirao

Loja de extintores foi alvo de criminosos por dois seguidos na região central de Ribeirão Preto (Foto Michelle Souza / CBN Ribeirão)
Uma loja de extintores teve a fiação furtada pela segunda madrugada consecutiva nesta quinta-feira (8), na rua José Bonifácio, região central de Ribeirão Preto.

O imóvel fica ao fundo do estabelecimento que pegou fogo na madrugada desta quarta (7), na avenida Francisco Junqueira.  
 
CLIQUE E SAIBA O QUE É NOTÍCIA EM RIBEIRÃO PRETO E REGIÃO

De acordo com Sílvio Aparecido Rodrigues dos Santos, proprietário da loja de extintores, o prejuízo deixado pelos criminosos pode ser de R$ 8 mil, incluindo a troca dos fios e a mão de obra para a realização do serviço.

"Já tivemos fiações furtadas outras vezes. Somente no ano passado foram três. Agora, duas em um intervalo de dois dias", lamentou a vítima ao portal ACidade ON

"Eles [criminosos] entraram pelo telhado e só não levaram a fiação do maquinário, no piso da loja. O que estava por cima, os fios de lâmpada, os de computadores, eles levaram tudo. Furtaram até os fios de cobre do telefone", relatou.

De acordo com Santos, um boletim de ocorrência (BO) sobre os dois casos ainda deverá ser registrado nesta quinta. Até o momento, nenhum suspeito foi preso.

Chamas

O incêndio que atingiu o estabelecimento que comercializa itens de plástico, em Ribeirão, destruiu todo o prédio e um veículo estacionado no local. Apesar do susto, ninguém ficou ferido. 

O sargento da PM (Polícia Militar) Ricardo Aurélio Maschietto afirmou, em entrevista à rádio CBN Ribeirão, que a suspeita seria de um curto-circuito provocado pelo furto de fiação no comércio de extintores.     

O Corpo de Bombeiros, porém, informou que as causas do incêndio ainda deverão ser apuradas pela Polícia Civil. 


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON