Publicidade

cotidiano

Ribeirão Preto registra aumento de homicídios em 2021

No ano passado, Ribeirão Preto teve aumento de homicídios dolosos até na comparação com o período pré-pandemia

| ACidadeON/Ribeirao -

(Foto: Reprodução)
 
A SSP (Secretaria de Segurança Pública) de São Paulo divulgou na última quarta-feira (26) o balanço das ocorrências registradas em Ribeirão Preto no ano de 2021. De acordo com a pasta, a cidade teve aumento de casos de homicídios dolosos e estupros, na comparação com o período anterior à pandemia.  

Além disso, houve aumento na quantidade de roubos e furtos de veículos na comparação com 2020, contudo, o número ainda é menor do que na comparação com 2019, quando ainda não haviam restrições de circulação.  

Segundo a SSP, Ribeirão Preto teve 53 homicídios dolosos (quando há intenção de matar) em 2021, ante 46 casos registrados em 2020 e 40 mortes violentas em 2019 - antes da pandemia.  

Além disso, no ano passado foram registrados dois latrocínios (roubo seguido de morte) na cidade, ante quatro crimes do tipo que ocorreram no ano anterior e dois latrocínios registrados em 2019.  

Explosão  da violência

O número de roubos também cresceu em Ribeirão Preto em 2021. Foram 2.536 casos, segundo a SSP, já em 2020 foram 1.922 casos. Em 2019, antes da pandemia, as delegacias da cidade tiveram 2.977 ocorrências de crimes do tipo.  

Já os roubos de carro, também indicaram aumento na comparação com 2020, mas queda, em relação ao período antes da pandemia. Foram registrados 398 crimes do tipo em 2021, ante 360 em 2020 e 569 em 2019.  

Quanto aos furtos de veículos houve aumento até na comparação com o período pré-pandemia. Foram 1.717 casos em 2021, 1.146 em 2020 e 1.695 em 2019.  

Já os furtos gerais registraram queda, na comparação com 2019. Foram 7.558 casos em 2021, ante 8.823 registros de ocorrências do tipo em 2019. Em 2020, foram registrados 6.176 furtos na cidade. 
 
O que diz a PM?  
 
Por meio de nota, a Polícia Militar informou que trabalha em operações especializadas para combater o avanço desses crimes na cidade.
 

 
CPJ no Centro de Ribeirão Preto (Foto de arquivo: Weber Sian / ACidade ON)


Mais notícias


Publicidade