Aguarde...

Economia

Entidade comenta aumento de 15% no etanol em Ribeirão Preto

Reajuste foi efetuado pelas distribuidoras e, de acordo com o Núcleo de Postos Ribeirão Preto, deve ser repassado em breve para as bombas

| ACidadeON/Ribeirao

Valores devem ser repassados em breve ao consumidor final (Foto: ACidade ON)
 

A Central de Monitoramento do Núcleo de Postos Ribeirão Preto, responsável pelo controle de 85 empreendimentos na cidade, comentou os aumentos de 15% no etanol e 7% na gasolina efetuados na última sexta-feira (23) pelas distribuidoras.  

O motivo, de acordo com a entidade, é a entrada da entressafra nas usinas de açúcar e álcool e o preço de custo do produto, que subiu consideravelmente. Os valores atualizados, no entanto, ainda não foram repassados integralmente aos consumidores finais.  

"A safra da cana-de-açúcar está chegando ao final, assim, a produção cai, porém a demanda continua", completa.  

Outro empecilho, no caso da gasolina, tem sido a variação do câmbio e do preço internacional de petróleo, que é repassado pela Petrobras às comercializadores e, depois, para as bombas de combustível.  

Fernando Roca, integrante do Núcleo, diz, ainda, que "os estabelecimentos do município estão repassando agora uma parte do reajuste, recebido já há 30 dias. Infelizmente, não é possível mais manter a margem sem a alteração dos valores, pois essa diferença represada afeta a saúde econômica dos estabelecimentos. É preciso reajustar para manter o equilíbrio financeiro para sustentar os empregos nos postos".




Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON