Aguarde...

Economia

Com horário estendido, comércio espera faturar no Dia das Mães

Sindicado da categoria em Ribeirão Preto espera crescimento de 14% nas vendas em comparação ao ano passado

| ACidadeON/Ribeirao


Calçadão de Ribeirão Preto terá horário especial para o Dia das Mães (Foto: Arquivo ACidade ON)
Apesar do cenário de pandemia, o Dia das Mães, comemorado no domingo, 9 de maio, deve movimentar o comércio. O Sindicato do Comércio Varejista de Ribeirão Preto (Sincovarp) projeta crescimento de 14% nas vendas deste ano em relação a 2020, quando houve o fechamento total das lojas devido ao coronavírus.

 
A previsão positiva se deve a flexibilização da quarentena e a extensão do horário de atendimento aos clientes. A Prefeitura de Ribeirão Preto liberou, através de decreto, a abertura das lojas do comércio de rua e dos shoppings até às 22h na sexta-feira e sábado, dias 7 e 8 de maio.  

"Essas medidas permitem um atendimento sem aglomeração, mesmo com restrições de entrada e atendimento", afirma Paulo César Garcia Lopes, presidente do Sincovarp. Em todos os locais, continua a obrigação do uso de máscara e adoção dos protocolos sanitários com capacidade reduzida de público (até 25%) e respeito ao distanciamento social. 

 
Ticket médio  

Segundo o Sincovarp, o ticket médio (valor gasto em cada presente) projetado para o Dias das Mães em Ribeirão é de 100 a 200 reais. 

Os presentes mais procurados são vestuário, perfumes e cosméticos - que têm se tornado campeões de vendas desde o ano passado. Na sequência, ainda têm as flores e os chocolates. Das mulheres presenteadas, cerca de 80% das mães são matriarcas das famílias, seguido por esposas/mães e as sogras.
 

Comércio nacional aquecido 

Um levantamento da CNDL/SPC Brasil, mostra que 77% dos consumidores pretendem ir às compras e realizar pelo menos uma compra no Dia das Mães deste ano. 

Em números absolutos, a expectativa é de que, aproximadamente, 122,9 milhões de brasileiros presenteiem alguém. O que deve movimentar aproximadamente 24,3 bilhões nos segmentos de comércio e serviços.




Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON