Aguarde...

Economia

Encanador, chaveiro e eletricista. Tudo incluso no seguro

Leia sua apólice com atenção e usufrua de benefícios que você desconhece, mas que geram muita economia

| ACidade ON

Milena Aurea / ACidade
'Já utilizei serviços como o guincho para a moto. Para casa utilizei o serviço de eletricista e chaveiro e o serviço de veterinária para meu cachorro', diz Jéssica Cibele Almeidapromotora de eventos (foto: Milena Aurea / A Cidade)

 

Antes de contratar um seguro, seja ele de vida, do carro ou de casa, é importante avaliar toda a cobertura, além de conhecer os benefícios oferecidos. Isso parece óbvio, mas muitas pessoas desconhecem os serviços incluídos no seguro e acabam perdendo dinheiro.

Ler o contrato pode ser cansativo e chato, mas é essencial para conhecer os benefícios e as exclusões do seguro. A promotora de eventos Jéssica Cibele Almeida, de 25 anos, possui seguro de moto, mas com benefícios que se estendem para sua residência e cachorro.

“Utilizo muito estes benefícios”, garante. “Já utilizei serviços como o guincho para a moto. Para casa utilizei o serviço de eletricista e chaveiro e o serviço de veterinária para meu cachorro”, conta.
Dentre os benefícios oferecidos pelo seguro, ela cita: encanador, conserto gratuito de aparelhos domésticos, descontos em teatros, cinemas e lazer.

Jéssica afirma que ficou sabendo dos benefícios após ler a apólice. “Fiz o seguro, pois tive uma moto roubada. Então, a corretora só me passou o que eu teria direito caso roubassem o meu veículo novamente”, diz. “Mas, como tenho o aplicativo da seguradora no celular, vejo o que tenho direito e solicito os serviços”, reforça.

Segundo ela, por não ter o cuidado de ler a apólice, muitas pessoas acabam perdendo dinheiro ao desconhecerem seus benefícios. “É uma economia muito grande. Serviços como eletricista, encanador e chaveiro, não pago mais.”

Custo-benefício

A advogada Alice Muniz Retamal, de 55 anos, afirma que apesar de ler a apólice do seguro contratado, sempre encontra algum serviço que não sabia ter direito.

“Já economizei muito por causa dos benefícios e utilizei diversos serviços, como o conserto de eletrodomésticos”, diz.

Ela afirma que trocou quatro reparos de válvulas, torneiras, utilizei o serviço de desentupimento etc. “Vale a pena, pois a mão de obra está muito cara”, completa a advogada.

Para ela, quando se faz as contas do custo de mão de obra, vale a aquisição do seguro com plano mais completo. “O legal é procurar o melhor custo-benefício. Às vezes economizar um pouquinho pode significar perder muito mais à frente”, conclui.

Arte / A Cidade

Questione o corretor

Segundo a corretora de seguros Paola Sanches Figueiredo, muitas pessoas desconhecem os benefícios do seguro contratado. “Desconhecem a disponibilidade de certos serviços oferecidos e acabam pagando o serviço particular”, diz. “Isso ocorre muito pela falta de informação da pessoa que está vendendo o seguro”, frisa.

No seguro de vida, por exemplo, ela afirma que a maioria participa de sorteio de capitalização e não sabe. “Desta forma, acaba perdendo o benefício que tem, pois desconhece esse direito”, afirma.

Já no residencial, Paola destaca que, em alguns casos, o seguro cobre a diária de caçamba em caso de reforma. “E o cliente acaba contratando o serviço e tem um gasto extra sem necessidade”, comenta.

Para aproveitar melhor todos os benefícios que o seguro oferece, Paola orienta a questionar o corretor sobre o que o seguro cobre ou não, na hora da contratação. 

“Além disso, o cliente deve ler as condições gerais do seguro na apólice e, assim, ter conhecimento de tudo o que tem direito e cobertura”, finaliza.

Seguro para eletrônicos

Segundo a Proteste Associação de Consumidores, a contratação de seguro para proteção de equipamentos eletrônicos também vale a pena. Para saber qual modalidade contratar, é preciso considerar quanto se está disposto a gastar. O custo varia de acordo com o valor da nota fiscal do aparelho e as coberturas. Mas, antes da contratação, a Proteste recomenda ficar atento às condições da apólice para evitar surpresas desagradáveis, caso precise acionar o seguro. Antes de assinar o contrato, observe também a abrangência geográfica e os riscos excluídos, cuja lista costuma ser grande.


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON