Aguarde...

Esportes

Clube anuncia morte cerebral do jogador Alex Apolinário

Atleta de 24 anos, ex-Botafogo, sofreu uma parada cardiorrespiratória durante partida de futebol no domingo (3), em Portugal

| ACidadeON/Ribeirao

Em 2015, Alex foi vice-campeão da Copinha com o Botafogo (Foto: Getty Images)
 
O FC Alverca anunciou nesta quinta-feira (7) a morte cerebral do meia Alex Apolinário, em Portugal, aos 24 anos. O atleta passou pelas categorias de base do Botafogo, em 2015.    

O jogador, nascido em Luís Antônio, na região de Ribeirão Preto, estava internado no Hospital De Vila Franca de Xira desde o último domingo (3), quando sofreu uma parada cardiorrespiratória durante uma partida da 3ª Divisão do Campeonato Português.   
 
VEJA TAMBÉM: Meia Alex Apolinário está em coma induzido em Portugal
 
A morte de Apolinário foi divulgada em comunicado oficial emitido pelo clube onde o jogador estava desde 2019.  

Segundo a equipe portuguesa, Alex teve a morte cerebral diagnosticada pelo corpo clínico que o atendia no hospital.   

Veja a íntegra da nota:
 
"O FC Alverca Futebol SAD e o FC Alverca comunicam: com profundo pesar comunicamos, de acordo com as informações prestadas pelo corpo médico do Hospital de Vila Franca de Xira, o falecimento por morte cerebral do nosso atleta Alex Sandro dos Santos Apolinário, esta manhã. O FC Alverca Futebol SAD prestará todo o apoio necessário a seus familiares. Neste momento de luto todas as atividades do FC Alverca estão canceladas".  
 
O caso    

 
 

A transmissão do União Merim, equipe adversária do time de Alex naquela ocasião, flagrou o momento em que o brasileiro passou mal e desabou em campo. A partida foi imediatamente suspensa.  
 
Após a queda, o jovem chegou a ser reanimado com o uso de um desfibrilador. Na sequência, transferido à unidade hospitalar portuguesa, onde seguia em coma induzido.  

Carreira     
 
Apolinário começou a trajetória no futebol nas categorias de base do Botafogo. Em 2015, ele foi vice-campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior, a "Copinha", com a equipe de Ribeirão Preto.  
 
Naquela ocasião, o Pantera foi superado pelo Corinthians, por 1 a 0, no Estádio Pacaembu, em São Paulo.   
 
Depois de sair do Tricolor, Alex passou pelo Cruzeiro. No clube de Minas Gerais, ele chegou a disputar 17 jogos como profissional, entre 2016 e 2017.  

No ano seguinte, esteve no Athletico Paranaense até se transferir à equipe da Europa.   


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON