Aguarde...

esportes

Baptista cita falhas: 'Não estamos tratando bem o torcedor'

Presidente do Conselho de Administração da Botafogo S.A, ainda revelou que assumiu o comando do departamento de futebol

| ACidadeON/Ribeirao

Adalberto Baptista, presidente do Conselho de Administração da Botafogo S/A (Imagem: Reprodução / TV Botafogo)
  
O presidente do Conselho de Administração da Botafogo S/A, Adalberto Baptista, admitiu falhas na gestão do clube, nesta terça-feira (28), e afirmou que o torcedor botafoguense "não está sendo bem tratado" por conta das recentes lutas contra o rebaixamento no Campeonato Paulista.   

A equipe se salvou da queda no último domingo (26), após vitória do Palmeiras nos último minutos.

"Com certeza não estamos tratando bem o torcedor. Acho que a torcida não merecia passar pelo que passou. Nós também não merecíamos. Mas eles [torcedores] menos ainda, porque não têm controle sobre ação do time, ainda mais tendo que torcer novamente para não cair. [...] Não é uma coisa que foi [feita] por nós [Botafogo S/A], mas temos mudar essa história. Esperamos que isso possa mudar a partir da Série B", afirmou.

O homem-forte da S/A também comentou sobre falhas recentes no departamento de futebol da equipe.   

 
LEIA MAIS: Botafogo encara o Novorizontino pelo Troféu do Interior 


"Profissionalizamos o clube tanto no futebol quanto na gestão. Cada vez menos temos ingerências políticas e a voz de pessoas que não seguem um ditame profissional para ajudar na gestão. Tivemos insucessos no departamento de futebol, mas temos uma boa gestão em outros departamentos. Com certeza, o que queremos para o futuro é que essa gestão profissional seja competente em todas as áreas", declarou Baptista.

O presidente do conselho da S/A revelou, também, que já assumiu o departamento de futebol do clube. Na entrevista, ele disse que contará com a ajuda de Fernando Gelfuso, que teria sido indicado pelo BFC.

Anteriormente, o departamento era formado por Osvaldo Festucci, Luiz Pereira, Léo Franco e Gustavo Vieira. Devido à campanha ruim no Paulistão, no entanto, Pereira e Festucci optaram por se afastar das decisões do futebol.  
  
"Vocês sabem que o Osvaldo pediu para se afastar antes dos jogos finais. Estamos tentando buscar alguém do BFC que tenha mais o conhecimento da história para estar junto do futebol, e o escolhido foi o Fernando Gelfuso, que estará mais próximo do futebol. E o Conselho de Administração da S/A, nós decidimos que eu vou estar [no departamento]. Então, nós dois estaremos à frente do departamento de futebol. Vamos apresentar um planejamento ao Conselho de Administração para aprovação. As alterações eram necessárias", afirmou.     
 
De acordo com Baptista, Luiz Pereira e Gustavo Vieira devem continuar no Conselho Administrativo da S/A, além de como colaboradores do departamento de futebol.


Troca no comando

Desde a criação da empresa que gere o Botafogo, em 2018, Adalberto Baptista tinha dito que não participaria de forma direta no departamento de futebol. Segundo ele, seu trabalho seria focado diretamente na reforma do estádio Santa Cruz. Baptista, porém, justificou a mudança de ideia por conta das campanhas no Estadual e na Série B de 2019.

"Meu pensamento é o futebol. Tudo que é feito na arena é para a instituição. Teve período que meu foco com a arena era maior, senão não teria nem estádio pra jogar. Tínhamos a obra, vários compromissos. Agora mergulhei no futebol. Tenho assistido aos treinos, então o foco é 100%", disse Adalberto Baptista.   

 
LEIA MAIS NOTÍCIA SOBRE O BOTAFOGO  
 
Botafogo é derrotado, mas escapa do rebaixamento 
 
Técnico do Botafogo crê que elenco pode fazer 'boa Série B' 
 
Botafogo conhece calendário dos primeiros jogos da Série B

Mais do ACidade ON