Aguarde...

esportes

Técnico revela respaldo de Baptista após a 4ª derrota seguida

Em entrevista coletiva, Claudinei Oliveira disse que foi apoiado em ligação pelo presidente da Botafogo S/A

| ACidadeON/Ribeirao

Claudinei Oliveira revelou apoio da diretoria botafoguense após nova derrota na Série B, nesta terça (20) (Imagem: Reprodução / TV Botafogo)
 
O técnico Claudinei Oliveira revelou, em entrevista coletiva nesta terça-feira (20), ter sido respaldado em uma ligação pelo presidente do Conselho de Administração da Botafogo S/A, Adalberto Baptista.   

A conversa, segundo o treinador, ocorreu ainda quando ele estava no Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL), onde o Pantera perdeu para o CSA, chegando à quarta derrota consecutiva na Série B do Campeonato Brasileiro 2020.    
 
VEJA TAMBÉM: Com gol no final, Botafogo perde para o CSA na Série B
 
"Após o jogo, realmente saí muito chateado pela forma que a gente perdeu. Cheguei à sala no pós-jogo e recebi uma ligação do Adalberto [Baptista], dando apoio e mostrando que confia no trabalho, entendendo que poderíamos ter tido uma sorte maior, assim como ocorreu em outras partidas. Agradeço o apoio da diretoria, na personificação do Adalberto, porque a gente não costuma encontrar isso. Só aumenta a minha responsabilidade de fazer cada vez mais e melhor, me dedicar mais para retribuir essa confiança no meu trabalho", declarou Oliveira.  
 
A confiança da diretoria no trabalho do treinador, contudo, já havia sido demonstrada além dos bastidores. No último mês, Claudinei Oliveira teve contrato estendido com o Pantera até o fim de 2021. Na ocasião, ele já acumulava seis jogos sem uma vitória no nacional.   
 

Reação  
 
Ainda na entrevista coletiva, Claudinei Oliveira afirmou que ficaria insatisfeito mesmo se o Pantera conseguisse um empate. Isso porque o time teve duas bolas na trave do adversário durante a partida.     
 
"Se a gente saísse daqui com um 0 a 0, eu ficaria decepcionado, porque produzimos para vencer o jogo, apesar de o CSA ter tido oportunidades também. Só vamos reverter isso [converter chances criadas em gol] se a gente se unir e acreditar mais uns nos outros. E por esse voto de confiança que estou tendo da diretoria, tenho que buscar mais forças, mais alternativas para que a gente possa tirar o Botafogo dessa situação", disse o técnico.   
 

Sequência  
 
Com a nova derrota, O Botafogo assumiu a vice-lanterna da Série B, mantendo-se com 14 pontos.  

No próximo domingo (25), às 20h30, a equipe vai enfrentar o 13º colocado, o Vitória, em busca de uma reação no campeonato. A partida acontecerá no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto.


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON