Aguarde...

ACidadeON Ribeirão Preto

Ribeirão Preto
mín. 20ºC máx. 36ºC

esportes

Ribeirão-pretano na Rússia diz que Brasil vence, mas com dificuldade

Advogado Adalberto Griffo Jr. alerta para imprevisibilidade do México, mas garante que a seleção vai ganhar o jogo

| ACidadeON/Ribeirao

 

O Brasil passou para as oitavas de final e agora, a emoção só aumenta. Na fase do mata-mata, onde o time perdedor da partida está automaticamente eliminado da Copa, os torcedores que acompanhando a seleção brasileira na Rússia fazem suas apostas do jogo contra o México, que acontece nesta segunda-feira (2), às 11h.   

Para o advogado ribeirão-pretano Adalberto Griffo Júnior, o jogo contra o México será difícil. "O time mexicano  é imprevisível. Eu apostaria numa vitória do Brasil por 2 a 1 bem apertada, mas vamos ganhar e passar para as quartas de fnal", garante.  

Pela primeira vez acompanhando uma Copa do Mundo sem ser na televisão, o advogado acredita que o time brasileiro sairá da Rússia hexacampeão. "Na minha opinião, o Brasil está com um time bem arrumado, com grandes chances de chegar na final para disputar de igual para igual com qualquer seleção", afirma Adalberto, que foi acompanhado da família para assistir ao Mundial. "Compramos ingressos condicionais, a nossa ideia é acompanhar a seleção até o final", explica.

A experiência  

Pela primeira vez na Rússia, Adalberto diz que mesmo que Brasil não seja campeão da Copa, a viagem valeu a pena. "Nossa experiência aqui na Rússia tem sido bem interessante, diferente. Moscou é uma cidade muito bonita, muito grande. Um ponto positivo do país é que as faixas de pedestres funcionam muito bem, todo motorista respeita os pedestres", elogia o advogado.  

Segundo ele, a maior dificuldade até agora tem sido a comunicação. "A língua russa é muito diferente da nossa, então isso é uma dificuldade. Eles usam bem pouco o inglês para quase tudo, inclusive informações básicas de turismo", comenta.   

"Porém, nos tempos modernos de hoje, tem inúmeros aplicativos que você fala as frases em português e a pessoa recebe em russo. Isso tem ajudado bastante", diz Adalberto.   

(Bruna Zanatto, com supervisão de José Manuel Lourenço)

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Cadastrados

Nome (obrigatório)
Email (obrigatório)
Comentário (obrigatório)
0 comentários

Veja também