Publicidade

lazerecultura

Veja as regras para os eventos de fim de ano em Ribeirão Preto

Prefeitura informou que analisa liberação de festas como o réveillon; Internações por covid não aumentam há quase uma semana

| ACidadeON/Ribeirao -

(Foto: Pixabay)
 
Questionada pelo ACidade ON, a Prefeitura de Ribeirão Preto informou, por meio de nota, que analisa a liberação das festas de fim de ano.

As internações por Covid-19, um dos fatores que determinam as regras de flexibilização do Plano SP, não aumentam há seis dias na cidade. (veja abaixo) 
 
VEJA TAMBÉM: Promissor contra covid, remédio dos EUA poderá ser feito no Brasil

Em nota, o Executivo ressaltou que, para que haja a liberação de eventos, como as festas de réveillon, tem feito uma análise dos indicadores da pandemia - números de casos, mortes e leitos ocupados.

"Nesse sentido, novas alterações nas medidas de contenção ao coronavírus serão divulgadas oportunamente", completou.

Vale lembrar que, a partir de 1º de novembro, festas com público em pé estarão liberadas em todo o estado. A retomada, porém, precisará ser autorizada pelos municípios.

Nesse retorno, os estabelecimentos ficarão autorizados a receber 100% de sua capacidade.

Para isso, o público deverá apresentar esquema vacinal completo, ou seja, as duas doses da vacina Coronavac, Astrazeneca e Pfizer ou dose única da Janssen.

O uso de máscara, no entanto, ainda será obrigatório, bem como a disponibilização de álcool em gel ao público.

Atualmente, Ribeirão permite a realização de festas com até 300 pessoas, desde que não haja aglomeração e público em pé. Acima deste número, o responsável pelo evento deve pedir uma autorização junto ao Departamento de Fiscalização Geral. 
 
No ano passado, as festas de fim de ano foram liberadas em Ribeirão Preto, mas com restrições

Covid

A plataforma leitoscovid.org aponta que, entre domingo (10) e sexta-feira (15), data da última consolidação dos dados, as UTIs e enfermarias destinadas ao tratamento do coronavírus, em Ribeirão Preto, não registraram aumento na lotação.

No último dia 10, 80 pacientes estiveram internados nesses leitos. Desde então, os números foram 73 (dia 11); 70 (dias 12 e 13); e 68 (dias 14 e 15).

Desde o início da pandemia, Ribeirão confirmou 111.533 casos da Covid-19, aponta boletim oficial divulgado nesta sexta. Ao todo, a doença já fez 2.964 vítimas na cidade. 
 
(Foto: Reprodução)

LEIA MAIS 
 
Veja quem não é obrigado a voltar às aulas presenciais 
 
Promissor contra covid, remédio dos EUA poderá ser feito no Brasil
 
 
Covid: Medo de contágio e perda de convívio podem gerar ansiedade

Mais notícias


Publicidade