Aguarde...

ACidadeON

Voltar

Especial Publicitário

Equipe de construtora é motivada pelo sonho do cliente

Colaboradores de construtora usam mantra para impulsionar negócios. Objetivo comum é viabilizar o primeiro imóvel para todos

ACidade ON - Ribeirão Preto

Trabalhar com a motivação de realizar o sonho do cliente é uma das causas que mobiliza os profissionais da Vitta Residencial Construtora e Incorporadora e pesou nos resultados da pesquisa do Great Place to Work. A organização global ícone do mundo corporativo divulgou nesta quarta-feira (13), em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, durante evento no Shopping Iguatemi Ribeirão | Espaço de Eventos, um panorama completo da pesquisa que detectou quem são as melhores empresas para se trabalhar. A Vitta Residencial foi apontada no ranking, pela segunda vez.

A premiação tem gerado satisfação para a equipe um orgulho que está no DNA da empresa, percebido por quem chega em uma de suas unidades e sentido na pele por quem trabalha lá. É o caso do coordenador de planejamento e controle, Alexandre Vasconcelos Tajra Mendes. Ele atua no NAP (Núcleo de Apoio à Produção) há pouco mais de um mês e já demonstra a convicção de que seu trabalho contribui para a felicidade de milhares de pessoas que receberão o seu tão sonhado primeiro imóvel. "Sei que estou contribuindo para algo grande", diz.  



O coordenador avalia que a empresa é inovadora e busca sempre o melhor. "E quer ser diferente, no melhor sentido da palavra". Mendes é engenheiro civil, tem 38 anos e veio de longe, de Piauí, onde era sócio de uma pequena empresa de construção. Ele não se intimida com a mudança. Ao contrário, comemora empolgado a oportunidade de fazer parte da Vitta. "Vim tentando trazer um pouco da minha experiência e muito da minha vontade para somar".

Na ponta do lápis, os colaboradores não precisam só saber somar e contabilizar resultados diários. A filosofia que respiram vai além e propõe aprender a multiplicar as oportunidades para realizar o desejo dos clientes, na mesma proporção que a empresa cresce, sem medo de abrir novas fronteiras.

O senso de coletivo também cria conexão com o ambiente interno. É o que percebeu o gerente financeiro, Fernando Fraioli, que trabalha na empresa há quase três anos. No início, era analista financeiro e em poucos meses recebeu o desafio de liderar a equipe da área de Contas a Receber e Cobrança e, depois, a gestão da a equipe de Contas a Receber, Contas a Pagar e Conciliação, até tornar-se gerente. Fraioli afirma que a experiência na Vitta trouxe muito aprendizado, não só na parte profissional, como na pessoal. "Ter assumido a liderança de equipe me desenvolveu na vida". Ele vinha se preparando para a tarefa há algum tempo e hoje faz um balanço positive. "É uma experiência enriquecedora, que aprimora o colaborador a ser mais coletivo e não só individual. Você passa a pensar na extensão de suas atitudes".  



O gerente capta no seu ambiente de trabalho muita energia positiva, criatividade, inovação e dinamismo características que na opinião dele garantiram a certificação. "É um sentimento que me domina - de querer melhorar sempre, de pensar no cliente e querer que tenha uma experiência inesquecível".

Metodologia
Com um processo de seleção bastante rigoroso, o ranking da GPTW avalia as empresas e como elas lidam com seus colaboradores, bem como levanta que tipo de práticas mantêm em prol de melhorias e qualidade de trabalho.

Os efeitos do clima interno são apurados por meio de pesquisa online, que é apresentada ao grupo com incentivo à participação pelas lideranças. É o engajamento dos colaboradores, de forma individual e secreta, que gera o resultado.

A pesquisa mostra como as organizações envolvidas estruturam seu ambiente interno, as políticas e as condições que disponibiliza, além dos salários aplicados. Outro item de verificação é como as ações e políticas impactam na equipe.

Com quase 10 anos de atuação, a Vitta Residencial já lançou mais de 13 mil unidades, o que contabiliza mais de 5 mil apartamentos entregues e 44 empreendimentos em seu portfolio, lançados nas cidades de Ribeirão Preto, Sertãozinho, Bauru, Araraquara, Piracicaba, Jaboticabal e Franca - todos atrelados ao programa Minha Casa Minha Vida. Atualmente, a construtora possui 16 canteiros em obras.

Hoje reúne aproximadamente 800 colaboradores e vem ampliando, de forma acelerada, seu desenvolvimento para manter-se como uma marca empregadora e em pleno ritmo de expansão pelo país.

Percepção interna
Para Marina Scatena de Baptista, gerente de cultura corporativa, a premiação gera sentimento de satisfação no grupo de profissionais avaliados, com a perspectiva de que ainda há muito trabalho pela frente, para que possam constantemente conquistar melhorias importantes para o bem-estar, crescimento pessoal e profissional.

"A conquista da certificação e o posicionamento de destaque no ranking reforçam o orgulho pela marca por conseguirmos proporcionar aos nossos clientes internos os colaboradores o mesmo que nos propomos a oferecer aos nossos clientes finais, explica Marina. Para ela, este é um exercício de cada profissional na busca de realizar seus sonhos como protagonista de sua história.

O diretor executivo comercial, Rodrigo Morando, avalia que, a premiação é uma consequência de um trabalho feito ao longo do ano. "Essa atuação é feita com toda a liderança e equipe no sentido de melhorar as relações entre a empresa e seus colaboradores", explica.

Morando acredita que há uma máxima que move a equipe Vitta, que provavelmente foi o principal atributo para a conquista da certificação. O fato é que os colaboradores se identificam com o propósito da construtora que é viabilizar o primeiro imóvel para todos. "Acaba sendo mais do que somente um trabalho. É uma missão que todos entendem como inspiradora e nos deixa muito orgulhosos", explica.

Rodrigo Villas Boas, co-fundador da construtora, diz que a certificação e o ranking do Great Place to Work são importantes para autoanálise da empresa e para contribuir com o seu posicionamento e reputação no mercado. Na ótica do CEO, estes indicativos sinalizam parte de um processo macro que a empresa já implementou e desenvolve frequentemente. "Hoje, temos um plano interno maior, com ferramentas de mensuração próprias que norteiam nossas diretrizes e temos desenvolvido esses instrumentos como objetivos específicos". Passo a passo, a construtora percebeu que o resultado decorrente deste processo está enraizado na cultura e nos seus valores.

Novo olhar
O executivo Rodrigo Villas Boas destaca que o mercado corporativo mundial passa por muitas mudanças e exige novas posturas que entrelaçam cada vez mais as condutas profissionais à missão das vidas pessoais. Segundo ele, o crescimento de uma empresa está atrelado a quanto a organização está atenta ao clima interno. "É preciso saber aproveitar os talentos e ouvir suas vozes dentro da empresa".
Outro ponto que, para ele é decisivo na conquista de prêmios e reconhecimento como do GPTW, é a constante valorização interna quanto ao objetivo de se ter pessoas felizes em prol de uma causa e, principalmente, pessoas auxiliando na transformação de histórias de vidas - como na conquista do primeiro imóvel. "Ter gente feliz trabalhando é inspirador. É um tempero no ambiente de trabalho. É o que faz nossos colaboradores acordarem cedo e virem trabalhar" e ressalta: "certamente esse perfil impactou no resultado da pesquisa", conclui.
 


Mais do ACidade ON