ACidadeON Ribeirão Preto

Ribeirão Preto
mín. 20ºC máx. 36ºC

Política

Entidades criticam orçamento impositivo

LOM (Lei Orgânica do Município) proposta pelo vereador Alessandro Maraca, reserva parte do orçamento da Prefeitura para indicações da Câmara

| ACidadeON/Ribeirao


Proposta de Alessandro Maraca  

Várias entidades divulgaram um texto criticando emenda à LOM (Lei Orgânica do Município) proposta pelo vereador Alessandro Maraca (MDB, foto), que reserva parte do orçamento da Prefeitura para indicações da Câmara.   

"Embora tenham como funções legislar e fiscalizar o Executivo, segundo a proposta, a Câmara teria em mãos orçamento maior do que o das secretarias da Cultura, Turismo e Meio Ambiente somados e duas vezes maior que a verba da pasta de Esportes", informaram as entidades.   

Assinam os documento a Associação Comercial e Industrial, Associação dos Advogados, Sindicato Rural, Associação Rural, Diretoria Regional do Ciesp/Fiesp e Sindicato do Comércio Varejista.

Está ainda em fase de análise  

Maraca disse que se surpreendeu com a proposta dele, conhecida com orçamento impositivo. "Não vamos votar a emenda agora. Apenas apresentei para que seja feita a discussão. Seria uma alternativa para resolver problemas como o das UPA´s Oeste e Norte. Todos os anos fazemos emendas ao orçamento e o governo não acata", afirmou. 

Valor R$ 26 mi 

Segundo a emenda proposta por Maraca, que tem assinatura de outros 13 vereadores, a Câmara teria R$ 26 milhões para apontar investimentos - metade do valor, porém, seria restrito para questões ligada a saúde. O montante equivale a 1,2% do orçamento de 2018 da Prefeitura. 

R$ 776 mil para o arena 

Como A Cidade antecipou há 10 dias, a Prefeitura de Ribeirão Preto foi contemplada com R$ 776 mil para reforma do Teatro de Arena, fechado há dois anos.   

O anúncio oficial foi feito ontem pelo prefeito Duarte Nogueira (PSDB). O recurso vem do Ministério do Turismo e contou com ajuda do deputado federal Baleia Rossi (MDB).

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Cadastrados

Nome (obrigatório)
Email (obrigatório)
Comentário (obrigatório)
0 comentários