Aguarde...

Política

Câmara de Ribeirão volta a ter sessões presenciais nesta terça

O plenário terá capacidade reduzida - até 20% - e os vereadores do grupo de risco podem participar por videoconferência

| ACidadeON/Ribeirao


Presidente Lincoln comanda sessão com o plenário vazio (Foto: Allan S. Ribeiro/Câmara Ribeirão)

A Câmara de Vereadores de Ribeirão Preto realiza nesta terça-feira (2), a primeira sessão presencial após dois meses. O retorno acontece após o Governo de São Paulo flexibilizar o isolamento social. No entanto, o decreto estadual e o decreto municipal sobre o tema (relaxamento da quarentena) não mencionam Casas de Leis. 
 
 
MAIS: Veja tudo sobre a pandemia em Ribeirão e região 


Com isso, as sessões voltam ao horário normal das 18 horas - na quarentena, as sessões on-line, foram realizadas às 16h. Com medida de segurança, a capacidade do plenário será reduzida a 20% do total e os vereadores que integram o grupo de risco para a covid-19 vão poder continuar participando por videoconferência.


Pauta

Na pauta da sessão, o projeto do Executivo que prevê um aporte de R$ 4,8 milhões à Transerp é o que deve causar mais polêmica (clique aqui e veja a pauta completa da sessão)

Segundo a prefeitura, a empresa que gerencia o trânsito de Ribeirão Preto sofreu uma queda abrupta nas suas arrecadações devido à pandemia do novo coronavírus.

Por isso, é necessário o aporte de R$ 4,8 milhões, dividido em três parcelas de R$ 1,6 milhão. O recurso deve ser usado para manter em dia a folha de pagamento da Transerp.

Mesmo enfrentando resistência dentro da Câmara, como se trata de pagamento de funcionários, é grande a chance dos vereadores aprovarem o repasse (clique aqui e veja mais sobre o projeto)

Mais do ACidade ON