Aguarde...

Especial Névio Archibald

Câmara recebe pedido de afastamento de Nogueira e Sandro

Ofício foi protocolado pelo PSL e se deve ao caso das ambulâncias; Prefeitura nega todas as acusações

| ACidadeON/Ribeirao

Prefeito Duarte Nogueira e secretário da Saúde, Sandro Scarpelini (Foto: Marcelo Fontes / ACidade ON)

A Câmara de Ribeirão Preto recebeu, nesta terça-feira (12), um pedido de afastamento do prefeito Duarte Nogueira (PSDB) e do secretário municipal da Saúde, Sandro Scarpelini.

A solicitação é devida a investigação que envolve uma licitação para a contratação de um serviço de ambulâncias. O autor do pedido é o PSL (Partido Social Liberal).

De acordo com nota enviada pela assessoria da legenda, é necessário o afastamento dos dois para que as investigações ocorram da maneira correta.

Há três frentes de investigação nesse caso até o momento: inquérito do Ministério Público Estadual (MPE), inquérito da Polícia Federal e uma Comissão Parlamentar de Inquérito na própria Câmara.

O ACidade ON solicitou um posicionamento ao Executivo e aguarda o retorno. No entanto, em todas as reportagens sobre o tema, o prefeito e o secretário sempre negaram qualquer irregularidade e se colocam a favor das investigações para demonstrar que nada de errado ocorreu.


Tramitação

Assim que o pedido de afastamento deu entrada na Câmara ele foi encaminhado ao Departamento Jurídico para análise. Cabe ao setor ver se todos os requisitos para o andamento do pedido foram cumpridos.

Caso o Departamento Jurídico não encontre irregularidades, o documento segue para o plenário. Após a leitura, os vereadores decidem se é caso de dar andamento à solicitação ou se ela deve ser arquivada. 


MAIS SOBRE O CASO 
 
Câmara vai instalar CPI para investigar licitação das ambulâncias
 
 
MP abre inquérito para apurar aluguel de ambulâncias  
 
PF busca documentos em investigação sobre aluguel de ambulâncias

Mais do ACidade ON