Aguarde...

Especial Névio Archibald

SP: Doria diz que vai se mudar após receber ameaças

Governador afirma que irá morar temporariamente no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo estadual

| ACidadeON/Ribeirao

Doria fez anúncio no início da tarde desta quarta-feira. (Foto: Governo do Estado de SP/Divulgação)
 
O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou nesta segunda-feira (29) que vai se mudar para o Palácio dos Bandeirantes, na capital, após receber ameaças.   

Desde que assumiu o governo estadual, em janeiro de 2019, Doria continuava vivendo em sua própria residência, diferente dos antecessores. 
 
CLIQUE AQUI E LEIA MAIS NOTÍCIAS SOBRE POLÍTICA 

"É uma decisão difícil, mas necessária nesse momento de muita intolerância ao pensamento contraditório, de belicismo verborrágico e de cegueira ideológica", declarou o governador em comunicado.  

Na agenda
 
A 4ª Vara Criminal de Ribeirão Preto marcou a data para o início das audiências para que testemunhas sejam ouvidas em mais um processo da Sevandija. É o braço da operação que apura o suposto envolvimento da ex-prefeita Dárcy Vera no esquema da compra de apoio político de ex-vereadores através de indicações de terceirizados. A defesa da ex-prefeita nega qualquer envolvimento.  

Na pandemia
 
As audiências serão realizadas por videoconferência, pela plataforma Microsoft Teams, com todos os envolvidos participando remotamente.  

O caso
 
As primeiras testemunhas que serão ouvidas são o delegado da Polícia Federal Flavio Vieitez Reis, que participou das investigações, e os agentes Luiz Alécio Janones e Roni Claudio Sterf Pires, no dia 31 de maio de 2021. Também serão ouvidos funcionários da prefeitura.  

Na Câmara
 
A Câmara Municipal vota nesta terça-feira (30) projeto de lei que obriga a prefeitura a informar o número de pacientes que aguardam leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) para o tratamento da covid-19. Texto de Marcos Papa (CD) altera lei do próprio parlamentar que obriga a divulgação da quantidade de pacientes internados com a covid-19.  

20 milhões
 
O prefeito de Ribeirão Preto, Duarte Nogueira (PSDB), voltou a afirmar nesta segunda-feira que o consórcio de municípios para compra de vacinas tem o objetivo de comprar 20 milhões de doses do imunizante contra o novo coronavírus. Nesta segunda foi eleita a diretoria do consórcio, que será presidido pelo prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro (DEM).


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON