Publicidade

politica

Câmara de Ribeirão define relator de denúncia contra Duda Hidalgo

Pedido de cassação afirma que Duda Hidalgo teria utilizado carro oficial "uso particular"; parlamentar afirma que sofre perseguição política

| ACidadeON/Ribeirao -

Vereadora Duda Hidalgo no plenário da Câmara de Ribeirão Preto (Foto: Allan S. Ribeiro/Câmara Ribeirão)
 
O Conselho de Ética da Câmara Municipal de Ribeirão Preto definiu, nesta quinta-feira (25), o vereador Renato Zucoloto (PP) como relator do processo que apura a denúncia contra a vereadora Duda Hidalgo (PT) por suposto uso irregular do carro oficial.  

LEIA MAIS - Vereadora é denunciada por suposto uso irregular de carro oficial  

A relatoria ao processo foi definida após a Mesa Diretora do Legislativo confirmar a admissibilidade da denúncia, encaminhada por um morador na semana passada, que pede a cassação do mandato da vereadora petista.  

O presidente do Conselho de Ética, Maurício Vila Abranches (PSDB), afirmou que Duda Hidalgo terá direito a ampla defesa e ao contraditório ao longo da investigação. A parlamentar participou da reunião e foi notificada oficialmente sobre a denúncia e o processo.  

O Conselho de Ética é formado pelo presidente Maurício Vila Abranches, pelo vice Brando Veiga (REP), por Judeti Zilli (PT), Renato Zucoloto e Sérgio Zerbinato (PSB). O prazo para conclusão do processo é de 60 dias úteis -  lembrando que a Câmara entra em recesso no dia 24 de dezembro e volta em fevereiro. Neste período, os prazos não são contabilizados. 

Denúncia
 
A denúncia recebida pela Câmara Municipal afirma que o carro oficial do gabinete de Duda Hidalgo teria sido utilizado pela parlamentar para uso particular em viagens de "caráter político-partidário".  

Em publicação em seu perfil no Instagram, a vereadora declarou que as acusações são "infundadas" e que se tratada de "um caso de perseguição política".  

"Não serei intimidada por esses ataques. A ordem política de nossa cidade não contava com nossa eleição e com nossa postura firme na Câmara. Mas não é a eles que estou representando e sim quem quer fazer da política uma ferramenta da transformação! Seguimos firmes: um mandato combativo a serviço do povo ribeirão-pretano!", escreveu na postagem.
 
Veículos oficiais da Câmara de Ribeirão Preto (Foto: Weber Sian/Arquivo A Cidade)

Mais notícias


Publicidade