Força-tarefa do Crea-SP espera fazer 240 diligências na região de São Carlos Força-tarefa do Crea-SP espera fazer 240 diligências na região de São Carlos

Força-tarefa do Crea-SP espera fazer 240 diligências na região de São Carlos

Estão previstas fiscalizações do órgão em São Carlos, Brotas, Descalvado, Dourado, Ibaté, Itirapina e Ribeirão Bonito

Força-tarefa do Crea vai visitar obras na região. (Foto: Divulgação/Crea-SP)
O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de São Paulo (Crea-SP) realiza, até sexta-feira (1º), força-tarefa de fiscalização e orientação na região de São Carlos. O órgão estima que cerca de 240 diligências sejam realizadas na área de atuação.

Estão previstas visitas em São Carlos, Brotas, Descalvado, Dourado, Ibaté, Itirapina e Ribeirão Bonito. Nesta ação, seis agentes fiscais identificados atuam em obras de pequeno, médio e grande porte, além de verificar empresas sem registro ou responsável técnico e denúncias enviadas pelos canais de atendimento do Conselho.

Segundo o Crea-SP, ação tem como foco assegurar a presença de profissionais habilitados à frente das atividades abrangidas pelo Conselho para garantir a segurança da população. 
 
LEIA MAIS 
Após corte do MEC, orçamento da UFSCar tem queda de R$ 2,3 milhões  
Pesquisa de São Carlos usa meio barato para remover poluente do esgoto


'Seguimos o ritmo positivo das fiscalizações previstas para este ano, buscando conscientizar sobre a importância da regularidade nas atividades técnicas para a garantia da segurança da sociedade', diz o gerente regional do Crea-SP, Carlos Consolmagno. 'O foco é orientar sobre a contratação de prestadores de serviços sempre habilitados e registrados pelo Conselho, trabalhando também a valorização dos profissionais que atuam nessas linhas de frente', complementa.

Balanço do primeiro quadrimestre
O Crea-SP encerrou o primeiro quadrimestre de 2022 com mais de 111 mil ações de fiscalização em todo estado de São Paulo e, até o final do ano, o objetivo é chegar a 400 mil ações.

Em 2021, foram 292 mil ações de fiscalização em todo território paulista, superando em mais de 45% a meta estabelecida, um recorde. De 2015 a 2021,as fiscalizaçõesdo Conselhoaumentaramcerca de 900%.Ocrescimentose deve ao uso das tecnologias para apoio às atividades, com pesquisas e apurações remotas, antes dos agentes fiscais irem a campo, e à adoção do modelo das forças-tarefas.

Denúncia
O Crea-SP abre canais em todas as unidades de atendimento para o registro de queixas, além do site; dos telefones 0800 017 18 11 ou 0800 770 27 32 e do e-mail: faleconosco@creasp.org.br.

São infrações à legislação profissional: a ausência de responsável técnico em projetos, execuções ou prescrições; obras clandestinas; falta de placa na obra ou de identificação de responsável em atividades sujeitas à fiscalização; produção irregular de material ou insumo aplicáveis na engenharia, agronomia e geociências; e outras situações relacionadas à violação do exercício técnico. 
 
VEJA TAMBÉM 
São Carlos soma 140 casos de Covid-19 nas últimas 24 horas


Bruno Moraes

Bruno Moraes é repórter do acidade on desde 2020, onde faz a cobertura política e econômica. É autor do livro “Jornalismo em Tempos de Ditadura”, pela Paco Editorial, é colunista do Giro CBN no 'Café com Política', para CBNs São Carlos e Araraquara. + info

Mais Notícias

Mais Notícias