Aguarde...

Cotidiano

Jovens se oferecem para ajudar idosos com serviços essenciais

Publicações de jovens estão nas redes sociais de moradores de São Carlos (SP)

| ACidadeON/São Carlos

Jovens se oferecem para ajudar idosos com serviços essenciais. Foto: Reprodução

Em tempos de ausência de contato físico, a solidariedade e o carinho são demonstrados de outra forma. Na pandemia de coronavírus (Covid-19), jovens de São Carlos (SP) estão se oferecendo para fazer serviços básicos para integrantes do grupo de risco.  

Gabriele Oliveira, 21 anos, desempregada, mas cheia de saúde e vontade de ajudar. Esse é o início da publicação que aqueceu o coração de muitos nas redes sociais. Nela, Gabi se oferece para ajudar idosos em compras em mercados e outras necessidades.  

A jovem conta que gostaria de não cobrar nada, mas por conta do desemprego, pede somente o valor da passagem para se locomover. "A ideia estava rolando em um grupo que eu sigo no Facebook e uma coisa minha é que gosto muito de ajudar as pessoas, e como estou desempregada não faço muitas coisas, então resolvi adotar a ideia também, mas não tenho condições de ir até o local, então peço a ajuda da passagem", contou ela.  

A inspiração, segundo ela, veio direto de seus avós com quem não teve muito contato por terem partido logo, mas o amor e o carinho sempre permaneceram, e foi essa a lição que a motivou.

"Vi publicações de pessoas mais idosas falando sobre a dificuldade de achar coisas em mercados e lojas, então parei e pensei e se eu puder ajudar desta vez?. Não tive muito contato meus avós e sempre quis ter essa relação entre avó e neta, e a minha se foi muito cedo. O que eu conheci dela é que ela é uma pessoa maravilhosa, e faço isso por ela", disse Gabi.  

Para ela, a atitude deveria repercutir e atingir o coração de outras pessoas, para que haja uma doação por inteiro. "Eu vejo muitos filhos que deixam seus pais e mães saírem por aí fazendo as coisas sozinhas, e acho isso muito perigoso e ruim porque eles estavam lá pelos filhos antes, então está na hora dos filhos estarem lá para os pais. É desse jeito que quero tentar ajudar e espero conseguir", desabafou.  

Jovens se oferecem para ajudar idosos com serviços essenciais. Foto: Reprodução

Onda de publicações
Não por acaso, uma onda de publicações com as mesmas intenções está rolando nas redes sociais. Adolescentes, jovens e adultos se disponibilizando integralmente para quem precisar.  

A jovem Thayla Rosa ainda estendeu a ajuda para gestantes e mães que estiverem passando por situações difíceis. "Tem mães com bebês recém-nascidos ou até com filhos que tenham doenças que os tornam mais vulneráveis e não sabem com quem deixar para poder sair, ou as mães que empresas não pararam e trabalham por dia ou casas de família", contou ela.  

A estudante de Direito trabalha de manhã e estuda no período da noite, mas com as suspensões de aulas da faculdade como medida protetiva, ela oferece um tempinho do seu dia para fazer seu melhor para outra pessoa.  

"Me ofereci para fazer serviço de banco, farmácia, mercado e cuidar de crianças voluntariamente a tarde e à noite. Resolvi ajudar por saber de fato a necessidade que cada um passa", concluiu Thayla.

Mais do ACidade ON