Aguarde...

Cotidiano

Sem emprego, família pede ajuda para conseguir se manter no Aracy II

Pai está desempregado e mãe cuida de quatro crianças, sendo um bebê de 8 meses que está em tratamento com anemia profunda

| ACidadeON/São Carlos

Casa da família fica na Rua Secondina de Paula Passador, ao lado de um bar, em um portão com grade vermelha. Foto: Reprodução
A pandemia dificultou a vida de muitas famílias que hoje passam por necessidades para sobreviver. Em São Carlos (SP), uma família de pais desempregados pede ajuda para alimentar quatro filhos, entre eles, um bebê de 8 meses.  

A família de seis pessoas, entre elas a mãe Bruna Francisco, o pai Thiago Silva, os filhos de 11, 8, 5 anos e um bebê de 8 meses, sobrevivem atualmente com o dinheiro do bolsa família.  

Com a pandemia, Thiago, que é pintor autônomo, acabou perdendo o emprego e a fonte de renda da família, já que Bruna é responsável por cuidar das crianças que agora estão em casa em período integral.  

Além disso, o bebê de 8 meses recentemente foi diagnosticado com Covid-19 e ainda trata de uma anemia profunda. "Já está acabando o período de isolamento dele, agora ele está em tratamento, mas tem que comer coisas que tenham ferro, como frutas, legumes e bolachas, mas não temos condições", contou a mãe.  

Este mês, a família teve ajuda do auxílio emergencial de R$ 600, mas também não fui suficiente para o mês, já que R$ 150 foram para o pagamento do aluguel e o restante para a compra dos remédios do pequeno.  

Sem comida, produtos de higiene ou limpeza - como sabão para lavar as roupas -, leite ou fraldas tamanho G, a mãe pede ajuda para conseguir alimentar a família, que está passando por uma situação extremamente difícil.  

Os interessados podem levar itens citados acima diretamente para a família, que mora na Rua Secondina de Paula Passador, número 5.312, no Cidade Aracy II, ou entrar em contato com Bruna pelo telefone (16) 99450-0024.

Mais do ACidade ON