Aguarde...

Cotidiano

Pirassununga publica decreto que endurece quarentena e suspende aulas presenciais

Medidas mais restritivas começam a valer na sexta-feira (26) e seguem até o dia 14 de março

| ACidadeON/São Carlos

Pirassununga publica decreto que endurece quarentena e suspende aulas presenciais. Foto: Reprodução

A Prefeitura de Pirassununga (SP) publicou na quarta-feira (24) um decreto que endurece as medidas de quarentena na cidade. De 26 de fevereiro a 14 de março, está proibida a circulação de pessoas nas ruas das 22h às 5h. As aulas presenciais estão suspensas.

O município está na fase laranja do Plano São Paulo e, de acordo com a prefeitura, o decreto foi publicado para tentar frear uma nova onda de contágio na cidade.

Neste momento, Pirassununga registra 3.839 casos de Covid-19 com 57 mortes desde o início da pandemia. 

Leia mais:  

Doria decreta toque de restrição em todo o Estado a partir de sexta (26) 

Restrição de Doria pode ser "balão de ensaio" para lockdown completo, diz sanitarista

Entenda as novas regras
- Está proibida a circulação de pessoas nas ruas das 22h às 5h o cidadão que for flagrado fora de casa neste horário deverá justificar e comprovar o motivo da saída;
- Aulas da rede municipal, estadual e particular não poderão ocorrer de forma presencial;
- De quinta-feira a domingo, após às 20h, os estabelecimentos comerciais e prestadores de serviços somente poderão trabalhar com portas fechadas, sem atendimento ao público;
- O serviço de delivery está permitido até às 0h, não podendo adentrar na madrugada;
- Igrejas e templos poderão efetuar suas atividades até às 20h, devendo estar de portas fechadas após este horário;
- O comércio que for flagrado descumprindo as regras poderá sofrer a interdição do estabelecimento por 7 dias ou 30 dias em caso de reincidência.

O morador que descumprir as regras poderá ser multado em 19 Unidades Fiscais do Estado de São Paulo (UFESP). A prefeitura informou que irá intensificar a fiscalização na cidade para coibir aglomerações.

*Com informações do G1 São Carlos e Araraquara.


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON