Aguarde...

ACidadeON

Voltar

cotidiano

USP São Carlos recebe núcleo de Centro de Pesquisa em Inteligência Artificial

Projeto vai receber US$ 2 milhões por ano para investir em pesquisas na área de saúde, meio ambiente e agronegócio

| ACidadeON/São Carlos

O coordenador do projeto, Fabio Cozman, apresentou o projeto nesta quinta-feira (29), em São Carlos. Foto: Luã Viegas/ ACidade ON São Carlos

O mais avançado Centro de Pesquisa em Inteligência Artificial do Brasil vai ter um núcleo no Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da Universidade de São Paulo (USP), em São Carlos.  

O projeto será financiado pela IBM, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) e pela própria USP. Juntas, as entidades devem reservar cerca de US$ 2 milhões por ano para pesquisas na área de saúde, meio ambiente, recurso naturais (óleo e gás), finanças e agronegócio. "Nós vamos ter duas sedes principais, a central, que fica em São Paulo, e a uma aqui em São Carlos. Isso obviamente traz um reflexo, porque, uma vez que você tem uma sede local, nós vamos atrair cursos, formações, bolsas para financiar alunos", afirmou Fernando Osório, professor do ICMC e coordenador de difusão e comunicação do núcleo de São Carlos. 

Osório explicou também que a cidade deve servir como um núcleo integrador do Centro de Pesquisa no interior. "A gente se torna um polo de inteligência artificial no interior do estado. A gente vai estar, inclusive, integrando outras unidades que a gente tem de Ribeirão Preto, da Esalq (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz), que, pela questão geográfica, também acabarão se centralizando um pouco aqui", disse.  

Nesta quinta-feira (28), o coordenador do projeto, Fabio Cozman, apresentou o projeto no auditório Fernão Stella de Rodrigues Germano, na USP de São Carlos, e falou sobre alguns desafios do Centro de Pesquisa. "A gente está preocupado em fazer um centro que vai revolucionar a IA [Inteligência Artificial], não necessariamente resolver todos os problemas da medicina, o que a gente não vai conseguir. Então a gente está tentando identificar algumas tecnologias revolucionárias em IA, que tenham uma aplicação e possam revolucionar alguns aspectos", afirmou Cozman.  

Fabio Cozman e o professor do ICMC Fernando Osório (com o microfone na mão). Foto: Luã Viegas/ ACidade ON São Carlos
 

Primeiros passos  

Ainda em um processo de estruturação, Fernando Osório explicou que agora é o momento de alinhar com os investidores as ações que serão desenvolvidas a partir de 2020. "As ações começam desde já, porque a gente precisa, obviamente, começar a preparar o terreno para poder ter em 2020 cursos e ações na área de IA", disse.  

Visibilidade para a Capital da Tecnologia  

O professor explicou que a chegada do centro deve atrair pesquisadores e dar visibilidade nacional para a cidade. "São Carlos, conhecida como a capital da tecnologia, está servindo como uma integradora de vários núcleos, vários movimentos, várias unidades ao redor de uma temática da inteligência artificial. A gente vai estar com os holofotes virados para USP, mas também para São Carlos", concluiu Osório.  

Estrutura  

Com início das atividades previsto para o começo de 2020, o projeto terá como sede principal o Centro de Pesquisa e Inovação InovaUSP, localizado na Cidade Universitária, em São Paulo.  

A iniciativa agrega mais de 60 pesquisadores da USP e das universidades Estadual Paulista (UNESP) e Estadual de Campinas (UNICAMP), Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), Centro Universitário FEI e do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA).  

Considerando apenas os cientistas vinculados à USP, há pesquisadores de 14 unidades e expressiva participação de professores do ICMC, tornando o Instituto um dos principais polos do novo projeto.  

*Com informações da Assessoria de Comunicação do ICMC/ USP  

Público acompanha apresentação do projeto. Foto: Luã Viegas/ ACidade ON São Carlos


Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Mais do ACidade ON