Aguarde...

cotidiano

USP fornece 217 kits de internet para alunos carentes na cidade

Por conta do isolamento social, o objetivo é ajudar os estudantes a acompanharem as aulas que estão sendo dadas online.

| ACidadeON/São Carlos


A Universidade de São Paulo (USP) começou a distribuir kits com modens portáteis para os alunos que não têm internet ou que possuem conexão precária. Cada aparelho contém 20 Gb, suficientes para assistir 100 horas de aula. 

O objetivo é ajudar os estudantes carentes a acompanharem as aulas online, já que não há previsão para o retorno das atividades presenciais.

"Quando começou a pandemia e a interrupção das atividades presenciais nos recebemos informações que havia um contingente de estudantes que não tinha acesso à internet então foi feito um esforço para que eles recebessem esses kits", afirmou o pró-reitor da USP, Edmund Chada Baracat, em entrevista à EPTV Central.   

Foto: Reprodução EPTV

Isolamento

As aulas presenciais foram suspensas em 17 de março e 90% das aulas teóricas 945 disciplinas, ao todo estão sendo oferecidas de forma remota por plataformas na internet.

Para os alunos, o kit vai ser de grande ajuda. A Ana Paula Camargo e Silva entrou este ano em Matemática e já estava estranhando estudar à distância e a dificuldade com a internet deixou a rotina de estudos ainda mais complicada.

"Eles têm mandando bastante conteúdo e a internet que eu não uso não é muito boa", contou. Quando chegou à casa dos pais em Santa Bárbara (MG), para passar a quarentena, a aluna de estatística Aline Fernanda da Conceição começou a ficar atrasada com os estudos por causa da internet. Ela então solicitou o kit.

"A internet na minha cidade é muito ruim, eu tenho dificuldade de acompanhar as aulas, principalmente as que são ao vivo. Assim que chegar o kit eu vou começar a correr atrás das coisas que estou atrasada e a expectativa é de conseguir finalizar o semestre de maneira mais tranquila", disse.
 
Implantação 

Ao todo, mais de 2 mil kits estão sendo distribuídos para os campi de todo estado e a universidade tem planos de distribuir mais unidades.

"Nos ainda estamos recebendo solicitações, então nós vamos ter uma segunda fase com aquisição de mais 500 kits para suprir as necessidades dos estudantes", afirmou Baracat.

Mais do ACidade ON