Publicidade

cotidiano

Incêndio em vegetação da UFSCar é controlado, mas risco de queda de árvores permanece

As áreas mais atingidas pelo fogo foram as com eucaliptos localizadas no extremo Norte do Campus São Carlos; confira

| ACidadeON/São Carlos -

Fogo sendo controlado por trabalho em conjunto na UFSCar. Foto: Reprodução/Isadora Lima
 

A Administração Superior da UFSCar informou que, após o incansável trabalho das equipes da Universidade, Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, Parque Ecológico, Embrapa e usinas da região, o fogo que atingiu a área de vegetação da UFSCar na tarde de domingo (5) está controlado e sem novos focos. 

Os esforços de contenção contaram também com o trabalho da Polícia Ambiental. As áreas mais atingidas pelo fogo foram as com eucaliptos localizadas no extremo Norte do Campus São Carlos.  

Mesmo com o incêndio controlado, o risco de queda de árvores atingidas pelo fogo ainda é alto. Portanto, permanece a recomendação e o pedido para que as pessoas não se dirijam ao local em hipótese alguma, uma vez que a queda dos eucaliptos oferece alto risco à integridade física e à vida humana. 

A equipe de vigilância segue monitorando o local de forma preventiva.  

Por conta do fogo, por volta das 13 horas da tarde desta segunda-feira (6/9), algumas estruturas ligadas ao fornecimento de energia elétrica instaladas na proximidade do Instituto Federal de São Carlos (IFSP) foram danificadas e deixaram os setores do ramal 4 (Cabine Norte) sem energia por cerca de uma hora.  

Para solucionar o problema, as equipes da UFSCar adotaram medidas emergenciais, através da realização de uma manobra na rede de energia. Neste momento, toda a energia do Campus está restabelecida. 

As equipes da UFSCar seguem realizando monitoramento e captura de imagens de satélite, para realizar o diagnóstico preciso de toda a área atingida, bem como auxiliar na investigação das causas do fogo e demais medidas que venham a ser necessárias.  

Leia mais:  

- Incêndio de grandes proporções provoca queda de energia em São Carlos

Defesa Civil monitora quatro incêndios de grandes proporções na cidade

Mais notícias


Publicidade