Aguarde...

cotidiano

Eventos, reuniões e aglomeração seguem proibidos em São Carlos

Qualquer atividade ilegal deve ser denunciada aos meios competentes

| ACidadeON/São Carlos

Aglomerações devem ser denunciadas em São Carlos. Foto: Divulgação/Prefeitura

Todos os eventos de qualquer segmento continuam suspensos até 10 de maio, segundo o Decreto nº 166, da Prefeitura Municipal de São Carlos (SP), publicado no Diário Oficial na manhã desta quarta-feira (22). Estabelecimentos devem permanecer fechados.  

Os eventos municipais, como reuniões, inaugurações e palestras realizadas pela Administração Pública e setor privado continuam suspensas até 10 de maio. Nenhum alvará também será emitido até essa data para realização de eventos artísticos, culturais, políticos, científicos, comerciais, religiosos ou esportivos.  

As feiras livres continuam proibidas, assim como vedadas a montagem de barracas e demais estruturas que comercializem produtos alimentícios hortifrutigranjeiros em áreas públicas.  

Aglomerações
As aglomerações continuam proibidas, com fiscalização da Força Tarefa, formada por integrantes da Guarda Municipal, Polícia Militar e Departamento de Fiscalização da Secretaria de Habitação e Desenvolvimento Urbano.  

A mesma regra continua valendo para o velório municipal, ou seja, o caixão, em caso suspeito da COVID-19, deve permanecer fechado, podendo existir apenas um visor aberto durante os ritos fúnebres. A recomendação é que o velório seja feito com portas abertas para favorecer a circulação de ar, e que as cerimônias sejam realizadas com tempo reduzido e com número de no máximo 10 participantes para evitar aglomerações.  

Desde o início da quarentena a Força Tarefa já fez averiguação em 1.581 estabelecimentos, notificou 257, fechou 227 e interditou 66. Pela Central da Guarda Municipal, 153, já foram feitas mais de 4.000 denúncias.  

Qualquer tipo de aglomeração ou irregularidades em estabelecimentos podem ser denunciados através do WhatsApp Business do Procon pelos telefones (16) 3419-4510 ou 3419-4508 e na Guarda Civil pelo 153.

Mais do ACidade ON