Aguarde...

cotidiano

Setembro foi o mês de maior gasto com a Covid-19 em São Carlos

Segundo levantamento do Tribunal de Contas do Estado (TCE-SP), a cidade gastou R$ 17,5 milhões

| ACidadeON/São Carlos

Foto ilustrativa

Dados do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP) apontam que setembro foi o mês com maior volume de gastos relacionados ao combate à pandemia em São Carlos (SP). Ao todo, cidade gastou R$ 17,5 milhões.  

Em setembro, a cidade recebeu R$ 23,4 milhões em repasses dos governos Federal e Estadual. Ou seja, ainda sobraram cerca de R$ 6 milhões, verba que vem para ser destinada ao combate da Covid-19.  

Atualmente, cada caso confirmado custa em média R$ 8 mil para o município, que segundo o último boletim divulgado na sexta-feira (9), conta com 3.185 positivos.  

Nesta quarta-feira (14), às 15h, a Câmara Municipal agendou uma audiência pública para tratar de assuntos relacionados aos gastos do município para o combate à pandemia. A população não poderá acompanhar presencialmente, mas a audiência será transmitida ao vivo pelo canal 8 da Net, site e páginas oficiais da Câmara.  

Comparativos regionais
O crescimento dos gastos segue a mesma tendência das maiores cidades da região. Araraquara aumentou em 15% os gastos de setembro, em relação ao mês anterior e é a cidade com o maior orçamento para o enfrentamento da pandemia somando R$ 38,5 milhões de repasses. Porém, a cidade ainda gastou R$ 6 milhões a mais do que recebeu.  

Já Rio Claro teve um aumento de 10% nos gastos com a pandemia, mas ainda assim fica abaixo dos valores gastos pelas cidades vizinhas. Ao todo foram cerca de R$ 10,5 milhões, com repasses governamentais que não passam dos R$ 4,1 milhões.  

Mesmo sendo a cidade da região com o maior número de casos e de mortes 4.873 positivos e 139 óbitos-, os gastos com a pandemia representam apenas 43% do valor de São Carlos e 26% de Araraquara.

Mais do ACidade ON