Especial Covid-19

Especial coronavirus

Covid: DRS-III registra menor taxa de ocupação de UTI em 11 meses

Na comparação com outras regiões administrativas, é o terceiro menor indicador

| ACidadeON/São Carlos -

Pacientes internados com Covid-19 em UTIs do estado de São Paulo. Foto: Divulgação/Prefeitura de Jundiaí

A taxa de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para Covid-19 da Diretoria Regional de Saúde de Araraquara (DRS-III) atingiu, nesta quarta-feira (8), os 24,4%. Esse é o menor indicador dos últimos 11 meses, desde quando os relatórios começaram a ser divulgados. 

O primeiro levantamento da Fundação Seade foi disponibilizado no dia 8 de outubro. No ano passado, a menor taxa de ocupação foi de 27,75%, registrado no dia 24 de outubro, e a maior foi de 40,9%, no dia 31 de dezembro. 

A região começou o ano de 2021 com 42% dos leitos ocupados e chegou a 96,3%, mas desde maio segue com quedas significativas na ocupação de UTIs e agora registra o índice mais baixo do ano pela terceira vez. 

Ainda não há possibilidade de comparação em relação ao ano anterior pela falta de dados estaduais, mas em uma semana a região teve uma queda de 20% na ocupação dos leitos disponíveis.

Região
Em comparação com outras regiões administrativas, a DRS-III tem a terceira taxa de ocupação mais baixa, ficando atrás apenas da Baixada Santista (21,9%) e de Araçatuba (23,6%), respectivamente. Outras cinco regiões estão com indicadores abaixo dos 30%. 

Entre as taxas mais altas, lideram as três únicas regiões com ocupações acima dos 40%, sendo elas Ribeirão Preto (45,3%), São João da Boa Vista (41,7%) e Franca (41,5%). 

Atualização
O governo estadual realiza nesta quarta-feira, às 12h45, mais uma coletiva de imprensa para atualizar os dados da pandemia e as informações de combate ao novo coronavírus. A transmissão é realizada pelo canal do Youtube do governo estadual.

Mais notícias


Publicidade