Aguarde...

cotidiano

Policial embriagado atira e mata homem durante discussão

O policial militar se desentendeu com a esposa da vítima e efetuou dois disparos antes de fugir do local

| ACidadeON/São Carlos

William morreu com dois tiros efetuados pelo PM à paisana (Foto: Redes sociais)

 
Um homem de 39 anos foi morto com dois tiros por um Polícia Militar na cidade de Porto Ferreira. O crime aconteceu durante a noite de segunda-feira (14),em um posto de combustíveis localizado na Rua João José Attab Miziara, no Jardim Areia Branca. Uma discussão entre as partes motivou o assassinato.  

A vítima, William Fadel, estava com sua esposa e ela teria se desentendido com o PM à paisana Denilson Felipe Francisco, de 20 anos. O policial se descontrolou, sacou a pistola e atirou duas vezes contra o rapaz. William Fadel chegou a ser socorrido até o Posto de Saúde Municipal, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no local.  

O atirador ainda fugiu pela Rodovia Anhanguera, no sentido de Pirassununga, onde provocou outro acidente.  Segundo o Boletim de Ocorrência, policiais militares que estavam próximos ao local do crime ouviram os disparos e foram averiguar a causa. Ao chegarem, presenciaram Denilson entrando em seu veículo para fugir do local. 

Ao passar pela praça de pedágio, o PM colidiu contra um veículo parado, o arrastou por vários metros e foi detido em um cerco policial. O atirador realizou teste do bafômetro junto às autoridades, por meio do qual foi constatada a embriaguez.  As informações foram confirmadas pela Polícia Civil de Porto Ferreira.

O PM embriagado trabalha na cidade de São Paulo e foi levado até o Plantão Policial de Porto Ferreira, porém não quis dar depoimentos. Ele permanece preso e à disposição da Justiça.  Relatos de quem presenciou o crime, afirmam que o policial estava visivelmente embriagado e alterado.    


  

Mais do ACidade ON