Aguarde...

ACidadeON São Carlos

SÃO CARLOS
mín. 20ºC máx. 36ºC

cotidiano

TJ mantém condenação a trio que roubou comércio e atirou contra a PM em São Carlos

Crime aconteceu em setembro de 2017, na Rua Raimundo Corrêa, na Vila Marcelino. Acusados terão de cumprir 6 anos de prisão

| ACidadeON/São Carlos

Criminosos fizeram arrastão em comércio de São Carlos. Foto de arquivo/ Divulgação
 

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) negou os recursos de três acusados de roubar um estabelecimento comercial e atirar contra a Polícia Militar em São Carlos. O crime aconteceu no dia 6 de setembro de 2017, na Rua Raimundo Corrêa, na Vila Marcelino.  

Na decisão, que foi publicada no dia 8 de maio, a sentença de seis anos, dois meses e 20 dias de prisão que havia sido proferida em primeira instância a Luan Costa da Silva, Matheus Silva Santana e Pablo Steven Carvalho de Souza foi mantida pela turma de desembargadores.  

Além disso, o TJ-SP aceitou um recurso do Ministério Público do Estado de São Paulo para alterar o regime prisional de cumprimento inicial das penas de semiaberto para fechado.   

Câmeras de segurança do estabelecimento flagraram a ação dos criminosos. Veja vídeo: 

 

O crime  

De acordo com informações do processo, os acusados e um outro homem invadiram o estabelecimento comercial utilizando uma arma de fogo e renderam funcionários e clientes. Eles furtaram diversos celulares e objetos de valor e fugiram.  

No entanto, logo após o roubo, foram encontrados pela Polícia Militar e, durante a perseguição, acabaram colidindo o carro contra uma árvore no Cidade Aracy.  

Após o acidente, os acusados tentaram fugir a pé.  

Neste momento, Pablo teria atirado contra os policiais, mas não atingiu ninguém.  

Em seguida, eles acabaram sendo detidos e se entregaram.   




Mais do ACidade ON