Publicidade

cotidiano

Homem que matou jovem em bar é condenado a 16 anos de prisão em São Carlos

Alex Vinicius de Souza estava preso desde outubro de 2021, após se entregar na Central de Polícia Judiciária (CPJ)

| ACidadeON/São Carlos -

Lucas Capucci foi morto com facada no peito. Foto: Redes sociais

A Justiça de São Carlos (SP) condenou, na noite de terça-feira (3), o réu Alex Vinicius de Souza a 16 anos de prisão por matar com uma facada o jovem Lucas Capucci, em 30 de setembro de 2021. Ele estava preso desde 5 de outubro.

O júri aconteceu no Fórum Criminal de São Carlos e durou cerca de sete horas, com início às 13h e decisão às 20h30, sendo presidido pelo Juiz Dr. Antônio Benedito Morello. Alex foi condenado por homicídio duplamente qualificado - por motivo fútil e por meio que impossibilitou a defesa da vítima.

O réu foi defendido pelo advogado Arlindo Basílio, que informou que interpôs recurso de apelação ao Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), discordando do reconhecimento dos qualificadores. "O réu foi confesso no que diz respeito ao crime de homicídio. A defesa suspeita que ocorreu o homicídio simples, e não o qualificado", explicou.

Relembre o caso
Lucas Capucci foi assassinado com uma facada no peito no dia 30 de setembro, em um bar na Travessa Rubens Paschoal, no bairro Vila Jacobucci, cujos proprietários são seus tios.

Aos policiais, os familiares relataram que um homem entrou no local pedido uma faca e teve o pedido negado, mas depois de um tempo voltou com um pedaço de madeira e jogou contra a vítima, dando uma facada em seu tórax em seguida. Lucasmorreu na hora.

Na ocasião, o assassino saiu correndo a pé com a arma do crime. No dia 5 de outubro ele foi até a Polícia Civil acompanhado de seu advogado e se entregou. O caso foi esclarecido pelo 1º e 4º Distrito Policial.

Mais notícias


Publicidade