Aguarde...

Vacinas

"Para mim é uma honra ele estar em primeiro lugar", diz pai de jovem com Down vacinado

Arlindo Luiz da Silva e Andeli, pai e filho, não escondem a alegria na hora da vacinação contra a Covid-19 na Apae

| ACidadeON/São Carlos

Andeli foi vacinado contra a Covid-19 na Apae São Carlos. Foto: CBN São Carlos
A terça-feira (11) foi um dos dias mais gratificantes da vida de Arlindo Luiz da Silva, pai de Andeli, de 29 anos. O jovem tem síndrome de Down e foi um dos vacinados contra a Covid-19 no posto volante montado na Apae São Carlos.

A vacinação na Apae acontece por meio de parceria firmada com a Secretaria de Saúde local. Como os enfermeiros da ONG conhecem parte do grupo vacinal, o trabalho tende a ser facilitado. O posto de vacinação da associação funcionou nos últimos dois dias tanto para assistidos quanto para o público com Down que não é matriculado.

"Para mim é uma honra ele estar em primeiro lugar (na vacinação). Me sinto alegre. Estou com 52 anos e o primeiro vacinar é ele", comemora Arlindo, que garantiu que logo estará na fila para garantir a própria dose.

Questionado se estava feliz de ter tomado a vacina, Andeli respondeu: "Estou sim". No momento em que era vacinado, o jovem expressou um sorriso de contentamento.

Segundo a gerente administrativo da Apae, Maria Cristina Duarte é importante a vacinação do grupo com Down devido à dificuldade de entendimento, uma vez que parte das pessoas tem sensibilidade ao uso de máscara e álcool gel. "Dependendo do grau de deficiência eles não conseguem ter essa conscientização".

Para a gestora, a vacinação das pessoas com Down abre caminho para outros casos, como os autistas, em que há casos de rejeição ao uso de máscaras. 
 


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON