cotidiano

Covid: Pfizer e BioNTech vão pedir aval para uso de vacina em crianças

Na semana passada, a Pfizer e a BioNTech disseram ter concluído que a vacina é segura e gera forte resposta imunológica em crianças de 5 a 11 anos

| Agência Estado -

Vacinas da Pfizer (Foto: Myke Sena/ MS)
A americana Pfizer e a parceira alemã BioNTech disseram que planejam pedir nas próximas semanas autorização à agência regulatória de alimentos e medicamentos dos EUA, a FDA, para o uso emergencial de sua vacina contra covid-19 em crianças de 5 a 11 anos.   

As farmacêuticas pretendem submeter a mesma solicitação à Agência Europeia de Medicamentos e a outros órgãos regulatórios, segundo comunicado conjunto divulgado nesta terça-feira, 28. Ainda no comunicado, as empresas informam que entregaram à FDA dados de seu estudo clínico em fase final. Na semana passada, a Pfizer e a BioNTech disseram ter concluído que a vacina é segura e gera forte resposta imunológica em crianças de 5 a 11 anos. O estudo envolveu 2.268 participantes.

Mais notícias


Publicidade