Publicidade

economia

Febraban alerta sobre perigo de golpes na Black Friday

Segundo a federação, quadrilhas aproveitam a época de megaliquidação no varejo para cometer crimes, a maioria deles pela internet

| ACidadeON/São Carlos -

Comerciantes estão com boa expectativas para Black Friday (Foto: Amanda Rocha)

Uma das datas mais esperadas pelo consumidor devido à grande quantidade de ofertas e promoções no varejo, a Black Friday caiu no gosto do brasileiro e tem se tornado cada vez mais popular.

A megaliquidação, realizada tradicionalmente nos Estados Unidos na última sexta-feira de novembro, um dia depois do feriado de Ação de Graças e que neste ano cairá no dia 26, caiu no gosto dos brasileiros. Em São Carlos (SP), haverá horário especial para o dia tão aguardado.  

Embora as tentativas de golpes ou fraudes ocorram durante todo o ano, a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) alerta que quadrilhas aproveitam o momento de euforia com o grande volume de ofertas para aplicar golpes que causam grande prejuízo, especialmente usando a tática da engenharia social, que consiste na manipulação do usuário para que ele lhe forneça informações confidenciais e para o roubo de dados pessoais.

De acordo com a federação, o consumidor deve redobrar os cuidados para fazer suas compras, e cita que nesta época do ano são comuns abordagens de criminosos com páginas falsas que simulam e-commerce; promoções falsas enviadas por e-mails, SMS e mensagens de WhatsApp e a criação de perfis falsos que investem em mídia pra aparecer em páginas e stories de redes sociais.

Veja a seguir 10 dicas para evitar cair em golpes da Black Friday 

- Ao utilizar sites de busca, verifique cuidadosamente o endereço (URL) para garantir que se trata do site que deseja acessar. Fraudadores utilizam-se de "links patrocinados" para ganhar visibilidade nos resultados de buscas

- Dê preferência a sites conhecidos. Verifique a reputação de sites não conhecidos, lendo comentários de clientes que já utilizaram as plataformas 

- Não clique em links desconhecidos. Desconfie das promoções cujos preços sejam muito menores que o valor real do produto, pois criminosos se utilizam da empolgação dos consumidores em fazer um grande negócio para coletar informações e aplicar golpes que geram grandes prejuízos 

- Não preencha formulários com dados pessoais para ter acesso às promoções da Black Friday 

- Dê preferência para usar os cartões virtuais para fazer suas compras online 

- Sempre confira o valor na maquininha de cartão antes de digitar a sua senha 

- Se for pagar a compra com boleto, confira quem é a empresa beneficiária que aparece no momento do pagamento do boleto, no aplicativo ou site do banco. Se o nome for diferente da marca ou empresa onde a compra foi feita, a transação não deve ser concluída 

- Após fazer uma compra de maneira presencial, sempre confira se o cartão devolvido é realmente o seu cartão 

- Nunca use um computador público ou de um estranho para efetuar compras e digitar seus dados bancários 

- Sempre use em seu computador ou smartphone, softwares e aplicativos originais e mantenha sempre um antivírus atualizado

Mais notícias


Publicidade