Publicidade

economia

Censo 2022: recenseadores já estão nas ruas de São Carlos

Coleta de dados começou nesta segunda-feira (1º); recenseadores estão identificados e as matrículas podem ser encontradas via QR Code

| ACidadeON/São Carlos -

Censo IBGE

Começa nesta segunda-feira (1º) a coleta de dados do Censo Demográfico 2022, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em São Carlos, 150 recenseadores estão nas ruas para levantar dados sobre os aspectos de vida da população. 

Este ano, o levantamento contará com mais de 183 mil recenseadores e a previsão é de realizar entrevistas em 89 milhões de endereços em 5.568 municípios brasileiros, além do Distrito Federal e do Distrito Estadual de Fernando de Noronha. 

A estimativa do instituto é de que a população brasileira some em torno de 215 milhões de habitantes. No último levantamento, em 2010, o país tinha 190,8 milhões. Em São Carlos, a população estimada é de 256.915 pessoas.  

LEIA MAIS  

Censo: IBGE abre vagas temporárias na região de São Carlos

Imposto de Renda: Receita Federal paga 3º lote de restituição  


Como identificar
A população deve ficar alerta em relação à identificação dos recenseadores, que estão devidamente identificados. Segundo Luiz Rogério Godoy, coordenador de área, a pesquisa pode ser feita no portão, pelo telefone, pelo próprio interfone ou pela internet. 

"Todo recenseador vai estar com um colete, com um crachá de identificação com foto e matrícula, documentação. Se a pessoa tiver qualquer dúvida, é só colocar o QR Code que vai para o site do IBGE, coloca a matrícula e vai aparecer se o recenseador é do IBGE mesmo", explicou. 

Segundo o coordenador, a partir de hoje os recenseadores estão nas ruas, e caso o morador não seja encontrado, eles retornarão depois para tentar novamente. "Eles têm horário livre, a gente recomenda que passem das 8h às 19h, mas se o morador quiser ele vai em qualquer horário. A pesquisa pode ser feita no portão, pelo telefone, pelo interfone e pela internet", completou. 

Godoy também reforçou o pedido para que a população atenda os trabalhadores porque o Censo 2022 é essencial para o desenvolvimento do país. "A gente pede que a população tenha empatia com o recenseador porque é um trabalho muito difícil, eles vão receber pro produção, por cada trabalho que faz, e eles estão fazendo um trabalho muito importante, com informações é que a gente vai conseguir melhorar no nosso Brasil", concluiu. 

O Centro de Apoio ao Censo (CAC), disponível via 0800 721 8181, terá 180 agentes censitários para auxiliar a sociedade a preencher o questionário via internet ou telefone. A visita inicial, no entanto, é obrigatória, já que é nela que o recenseador registrará as coordenadas de cada endereço. 

VEJA TAMBÉM 

Estoicismo: o segredo para enriquecer quando tudo vai mal

Publicidade