ACidadeON São Carlos

SÃO CARLOS
mín. 20ºC máx. 36ºC

Esportes

São Carlos é eliminado da Copinha pela Ferroviária

A Águia da Central perdeu por 3 a 2 e deu adeus à competição. Técnico do São Carlos exaltou a luta da equipe; confira

| ACidadeON

ACidade ON - São Carlos
São Carlos foi eliminado da Copa São Paulo de 2018 (foto: Luã Viegas/ ACidade ON)

 

Em um jogo emocionante, o São Carlos acabou sendo eliminado da Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2018 em um clássico regional contra a Ferroviária. Em partida realizada no Estádio Professor Luís Augusto de Oliveira, o Luisão, a equipe de Araraquara levou a melhor e venceu a partida por 3 a 2.

O jogo

Apesar do começo de noite chuvoso, a equipe da Ferroviária entrou quente no jogo e abriu o placar logo aos 47 segundos com Rafinha, o camisa 10 do time de Araraquara. A pressão da Locomotiva sobre o São Carlos continuou e aos sete minutos, em cobrança de falta, Rafinha marcou o segundo gol da Ferroviária na partida.

VEJA QUEM FOI ASSISTIR A PARTIDA

Mesmo com a desvantagem, o São Carlos não se abateu e passou a controlar o jogo após levar o segundo gol. Depois de jogada dentro da área, o atacante Breno do São Carlos recebeu de frente para o goleiro e diminuiu a vantagem. O primeiro tempo terminou em 2 a 1 para a Ferroviária.

A segunda etapa começou parecida com a primeira, à equipe do São Carlos entrou desatenta e acabou levando o gol do camisa nove da Locomotiva, Luis Henrique, no contra ataque.

Novamente com dois gols atrás no placar, a Águia da Central não jogou a toalha diante de sua torcida e marcou aos 37 minutos do segundo tempo com o atacante Breno, que fez de cabeça o segundo dele na partida e colocou fogo no confronto novamente.

Com a torcida aos gritos de “eu acredito”, o São Carlos foi para o tudo ou nada e pressionou a equipe de Araraquara até o final da partida, mas não conseguiu o empate. Final de jogo, 3 a 2 para a Ferroviária. 

Análise dos treinadores

“Nós tivemos um início de jogo muito bom, em cima do que nós havíamos planejado. Mantivemos bem o jogo nos dois a zero, depois acabamos sofrendo um gol na sequência de um escanteio, a equipe deles entrou mais na partida, a torcida foi empurrando e conseguimos suportar a pressão até o intervalo. No segundo tempo voltamos melhor de novo, conseguimos o três a um, tivemos a possibilidade de fazer mais gols e no final tomamos um gol e acabou deixando essa partida mais tensa”, comentou Leonardo Mendes, treinador da Ferroviária, sobre a vitória de sua equipe.

“Demos uma vantagem muito grande no início do jogo e eles saíram com dois à zero. Nós tivemos que jogar sempre expostos para tentar buscar a reversão do placar e eles souberam aproveitar”, analisou Omar Curi, técnico do São Carlos.

Apesar da eliminação, o treinador da Águia da Central se mostrou orgulhoso de sua equipe: “Eu tenho que parabenizar esse grupo de jogadores que entenderam a mensagem que a gente tinha para eles. Eles foram guerreiros até o final, lutaram contra tudo e contra todos e dignificaram, principalmente, a camisa do São Carlos”, disse Curi.

Comentários

Cadastrados

Nome (obrigatório)
Email (obrigatório)
Comentário (obrigatório)
0 comentários

Veja também