Publicidade

lazerecultura

Sesi-SP lança edital extra para projetos na área cultural

Inscrições podem ser preenchidas até o dia 22 de setembro; iniciativa visa a retomada da programação cultural na rede

| ACidadeON/São Carlos -

Circo Tihany volta a Ribeirão Preto (Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

O Sesi-SP está com inscrições abertas para o edital extra de cultura que contempla projetos nas áreas de dança, música, artes cênicas e circo. O objetivo é atender a retomada da programação cultural em espaços físicos da rede.

Poderão participar projetos de espetáculos de teatro, dança, circo, teatro performativo e teatro de bonecos e formas animadas, shows e concertos musicais nos mais variados estilos musicais, ou ainda outras propostas artísticas dentro do universo das artes da cena e da performance musical.

Os espetáculos poderão ser realizados prioritariamente nos Teatros do SESI nas cidades de Araraquara, Birigui, Franca, Marília, Piracicaba, Rio Claro e na unidade de A.E Carvalho (Zona Leste da Capital), ou ainda em outras unidades do SESI no estado de São Paulo.

A gerente de Cultura do Sesi-SP, Débora Viana, reforça que a entidade tem como missão difundir e democratizar o acesso às artes nas suas mais diversas manifestações, facilitando a formação de público na sociedade como um todo, investindo em produções e montagens originais, sempre com entrada gratuita.

"Este edital tem por objetivo a geração de renda e o incentivo econômico ao setor cultural no estado de São Paulo, bem como promover a difusão de obras artísticas para o público, em formato prioritariamente presencial", afirma a gerente de Cultura do Sesi-SP, Débora Viana.

Como se trata de um edital extra, o período de inscrição é curto. O prazo para enviar seu projeto de espetáculo e show encerra-se, impreterivelmente, às 23h59min (horário de Brasília) do dia 22 de setembro de 2021.

Mais informações podem ser encontradas no edital extra disponível no site do Sesi-SP ou pelo e-mail editaiscultura@sesisp.org.br. As inscrições de projetos devem ser feitas pela internet.

Mais notícias


Publicidade