Publicidade

politica

Vereador Malabim critica mudanças em unidades de saúde

USFs do São Rafael e do Itamarati foram transferidas e passam a ocupar o mesmo prédio que a UBS do Fagá

| ACidadeON/São Carlos -

UBS do Fagá, em São Carlos. Foto: CBN

A mudança entre as unidades de saúde dos bairros Maria Stela Fagá, São Rafael e Itamarati, em São Carlos, foi motivo de indignação do vereador Alexsander Malabim (PTB) durante a sessão na Câmara Municipal. Ele aproveitou o tempo de tribuna para também chamar atenção para a falta de nomeação para secretário de saúde.

A partir de agora, a Unidade Básica de Saúde (UBS) do Fagá passa a abrigar as Unidades de Saúde da Família (USFs) do São Rafael e Itamarati, que atenderão no mesmo prédio. As unidades chegaram a ficar fechadas por seis dias para a readequação e retomaram as atividades nesta quarta-feira (11).

Na semana passada, data que marcou o início das mudanças, a prefeitura emitiu um comunicado informando que os pacientes agendados para consultas foram avisados e as consultas foram remarcadas, mantendo apenas a entrega do leite aos contemplados pelo programa estadual.

Indignado
Ao criticar a decisão da prefeitura, Malabim disse estar com um projeto para construção de uma USF no bairro Douradinho e pediu ajuda dos parlamentares para levantar a verba necessária e viabilizar a obra, além de também pedir atenção maior da administração.

"Nós fomos contrários a esse fechamento, mas a prefeitura entendeu assim e acabamos nós com a nossa luta, não conseguindo permanência lá. Não vou desistir desse compromisso de estar ajudando aquela região, para estar construindo uma USF que possa atender esse pessoal que vai ter que sair do Douradinho para ir no Maria Stela Fagá, que é muito longe. E do São Rafael também, tem pessoas de idade, pessoas que não tem condição de locomoção, não tem veículo, e tem que ficar pedindo para o vizinho levar, para o parente levar", comentou.

Nesta quarta, a equipe de reportagem da CBN São Carlos esteve na unidade e confirmou o início das atividades no novo prédio, mas não havia pacientes sendo atendidos no local. A distância entre uma unidade e outra é de cerca de dois quilômetros. 

Vereador Malabim (PTB). Foto: Reprodução/Redes sociais
Falta secretário
Na ocasião, ele também chamou atenção para a falta de um secretário de Saúde que possa seguir com os trabalhos da pasta, que está sendo coordenada interinamente pela chefe de gabinete Jôra Porfírio.

"Tem muitos problemas que trazemos aqui, é nítido e notório os problemas que têm na secretaria de Saúde que precisa urgente ser solucionado, e nós precisamos da nomeação de um secretário para que os trabalhos não sobrecarreguem em cima da chefe de gabinete, como está agora, e acaba até que atrapalhando seu trabalho como chefe de gabinete", disse.

Na terça-feira, Lucão Fernandes (MDB) informou que foi convidado a assumir a pasta, mas declinou do pedido. Segundo a prefeitura, não há prazo para a nomeação de um novo secretário.

Mais notícias


Publicidade