Publicidade

viagens

Cinco lugares imperdíveis para degustar vinho no interior de Portugal

Portugal é um país para quem aprecia lindas paisagens, história boa comida e claro, vinhos de qualidade

| ACidade ON -

Portugal também está entre os destinos preferidos para um tipo de visitante que percorre o mundo em busca de experiências em que o vinho é a principal atração. (Foto: Divulgação)


Portugal é um país para quem aprecia lindas paisagens, história boa comida e claro, vinhos de qualidade. Além disso, o país europeu oferece uma infinidade de rotas que cativam distintos tipos de visitantes. Andar de bicicleta pela costa, degustar doces feitos em conventos ou visitar museus que guardam relíquias da Era dos Descobrimentos são algumas das opções para conhecer um dos destinos que está sempre no top 10 dos países mais visitados no mundo. 
 
GOSTA DE VIAJAR? CONFIRA AQUI DESTINOS IMPERDÍVEIS COM ÓTIMOS PREÇOS

Portugal também está entre os destinos preferidos para um tipo de visitante que percorre o mundo em busca de experiências em que o vinho é a principal atração. Pensar em vinho e Portugal é lembrar do vinho do Porto, mas o país tem muitas outras variedades da bebida que podem ser degustadas de norte a sul.

Apesar da facilidade de se encontrar e provar bons vinhos em grandes cidades como Lisboa e Porto, é preciso se embrenhar pelo interior de Portugal e a região do Alentejo é um destes lugares para viver experiências que unem grandes vinhos, belas paisagens e culinária típica.

Este tipo de roteiro pode ser interessante também para quem bebe vinho. É uma oportunidade de conhecer de perto o universo da uva, participando inclusive de atividades como a colheita e a pisa. Com diversas propriedades espalhadas pelo Alentejo, a maior dificuldade será escolher qual visitar. Por isso, deixo cinco sugestões de vinícolas para visitar na região:

Adega Mayor
Em Campo Maior, na primeira adega autoral de Portugal, os viajantes podem ver de perto como são feitos os vinhos, conhecer a propriedade, aprender sobre a produção, participar de degustações e assistir a workshops. Na época das vindimas, entre os meses de agosto e setembro, também é possível participar da colheita. A Adega Mayor também tem experiências não relacionadas ao vinho, como passeios de barco e bicicleta e voos de balão.

Adega Vila Santa
Em Estremoz, a renomada vinícola é o local que o produtor escolheu para fazer seus primeiros vinhos, em 1989. A adega promove uma série de experiências como provas de vinhos, almoços piqueniques nas vinhas, tapas com vinhos, experiência de ser enólogo por um dia, workshop de cozinha e até mesmo um jogo no estilo escape room.

Carmim
A Cooperativa Agrícola de Reguengos de Monsaraz (Carmim) tem 50 anos de história e mais de 3,6 mil hectares de vinhas. Produz 74 rótulos diferentes, dos brancos aos tintos, passando por licorosos, rosés e espumantes. Os programas de enoturismo podem incluir atividades como visita guiada, provas de vinhos e petiscos, visita à wine shop, atividades nas vindimas, entre outros.

Herdade Abegoaria dos Frades
Esta herdade com 500 hectares na região do Alqueva foi criada para se tornar um dos melhores projetos ecoturísticos de Portugal. Os visitantes podem conhecer toda a propriedade em um passeio de jipe, provar os vinhos à beira da piscina, fazer piquenique nas vinhas ou até mesmo apreciar um jantar romântico após curtir o pôr do sol de uma das torres da Abegoaria.

Honrado Vinyeards
Esta propriedade situada na região de Vila de Frades produz vinho de talha, feito de forma artesanal com uma técnica milenar de fermentar a uva em grandes recipientes de barro uma herança dos tempos em que os romanos ocuparam o Alentejo, há mais de 2 mil anos. Além de oferecer diferentes provas de vinhos, a Honrado Vineyards promove workshops sobre degustação de vinhos e sobre o vinho de talha, além de pacotes de dia completo em que se pode passar um dia como um produtor de vinho.

Mais notícias


Publicidade