Aguarde...

ACidadeON

vidaeestilo

Lilia Cabral diz não temer o envelhecimento

| FOLHAPRESS

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A trama de "O Sétimo Guardião" se passa na cidade fictícia de Serro Azul, em que há um aquífero com poderes curativos e rejuvenescedores, protegido por sete guardiães. Esses guardiões, no entanto, não podem se beneficiar da água mágica. Questionada sobre sua relação com o envelhecimento, Lilia Cabral, 61 anos, afirma nunca ter feito nenhuma interferência cirúrgica com fins estéticos. E brinca que sua genética é "boa". "Vou torcer para que eu continue nesse estado, porque eu acredito que os personagens se encaixam a você conforme o tempo vai passando. Não adianta eu querer ser mais nova ou então mentir a idade, porque alguém vai saber", afirma. A atriz fala que seu ritual de beleza é simples: "Faço aquelas coisas normais de mulher. Me cuido, sou vaidosa, não como coisas gordurosas e faço pilates. Tenho todo um cuidado, mas é uma coisa mais voltada à saúde."Carreira Lilia Cabral estreou na TV em 1981, na novela "Os Adolescentes" (Band). De lá para cá, fez mais de 50 personagens. Ela diz que não sente saudade dos trabalhos antigos e que gosta de se assistir em reprises. "Quando eu comecei não tinha filha, marido, casa. Olho agora para o crescimento, com todas as dificuldades que a gente passa, porque a gente passa mesmo."

Veja também