Publicidade

viu essa?

Camila Queiroz diz que foi punida em "Verdades Secretas 2"

Atriz revela ainda insatisfação pelo rumo da sua personagem Angel na trama

| ACidade ON -

Camila Queiroz (Foto: Reprodução/Instagram)
 

Camila Queiroz rasgou o verbo após a Rede Globo anunciar que a atriz não vai mais fazer parte do elenco de "Verdades Secretas 2", novela disponível atualmente na plataforma Globoplay. A emissora alegou "demandas contratuais inaceitáveis" por parte de Camila e ela resolveu trazer a sua versão da história. 

Na quarta-feira (17), a atriz divulgou pelo Instagram uma nota oficial. Logo no início, o texto enfatiza que a situação não se trata de uma demissão. Na verdade, o contrato de Camila com a emissora não foi renovado. Atualmente, ela recebe por obra.

Para a produção de Walcyr Carrasco, Queiroz tinha um acordo fechado até 10 de novembro. Entretanto, as gravações se estenderam e ambas as partes não chegaram em um acordo sobre como seria feito o novo contrato. 

O comunicado ainda cita a insatisfação da atriz com o destino alterado de sua personagem Angel durante a trama: "quando foi convidada para protagonizar a continuação da novela, a sinopse que lhe foi entregue era totalmente diferente dos rumos que a história tomou após o início das gravações". 

TERCEIRA TEMPORADA 

Entre as demandas contratuais inaceitáveis citadas pela Rede Globo, está a exigência de Camila de fazer parte de uma eventual terceira temporada de "Verdades Secretas". Entretanto, a nota divulgada pela atriz, diz que ela foi convidada pela emissora para o elenco de uma nova versão da trama.

"A diretoria da casa chegou a enviar para a assinatura da atriz um pré-contrato manifestando explicitamente o seu interesse de mantê-la na terceira temporada de 'Verdades Secretas' como protagonista", traz o posicionamento da artista. 

PUNIÇÃO 

Queiroz se diz surpresa quando recebeu as últimas cenas para gravação, momento em que percebeu que os rumos da novela seriam de fato alterados. Para ela, isso seria uma punição da emissora devido à não renovação do contrato.  

"A atriz entende que esses últimos acontecimentos deixam claro que a empresa tentou puni-la exclusivamente pelo fato de ter tomado a decisão unilateral de readequar o formato de seu contrato com TV Globo no passado, decisão essa que não partiu da empresa, como foi divulgado à época".

Veja a nota na íntegra:  




Mais notícias


Publicidade