Publicidade

viu essa?

Italiano passa 15 anos acreditando namorar Alessandra Ambrosio e perde R$ 4,3 milhões

Jogador de vôlei caiu em um golpe, que foi revelado em um programa de TV; entenda o caso

| ACidade ON -

 

Alessandra Ambrosio e o jogador de vôlei italiano Roberto Cazzaniga (Foto: Reprodução/Instagram)

Um jogador de vôlei italiano caiu em um golpe conhecido como "catfishing". Ele ficou 15 anos acreditando que namorava à distância a modelo brasileira Alessandra Ambrósio após conhecer uma pessoa pela internet. 

A mulher usava fotos da modelo, mas se apresentava como Maya. As informações são do jornal O Globo. 

O caso foi revelado na terça-feira (23), por um programa de TV italiano. Roberto Cazzaniga, de 42 anos, chegou a enviar 700 mil euros (R$ 4,3 milhões) para a golpista, identificada como Valeria. 

Ela pedia ajuda financeira para custear uma suposta operação cardíaca. "Tenho tantas dívidas, não é fácil 'acordar do coma'", disse Roberto, chorando. 

Alessandra Ambrósio namora atualmente o também modelo Richard Lee. Na quarta-feira (25), inclusive, a modelo postou fotos no Instagram com o amado em uma viagem ao Havaí. Os internautas, é claro, não perdoaram. 

"Menina que babado a do Italiano", "Com todo respeito ao homem mas ele é a pessoa mais iludida que eu já vi", "Mulher você está sabendo que a 15 anos namora um jogador Italiano?", escreveram alguns seguidores na legenda da publicação.  



ENTENDA O GOLPE 

De acordo com a imprensa italiana, uma suposta amiga do jogador de vôlei apresentou a vítima à golpista, em 2008. Após os primeiros contatos, a mulher disse que usava um pseudônimo, e que ela era, na verdade, a modelo brasileira Alessandra Ambrosio. 

Ao longo de 15 anos, os dois conversavam pelo celular, quase que diariamente. A golpista alegava que não podia ver Roberto pessoalmente por causa da sua rotina de trabalho. Ela começou, então, a pedir dinheiro, para o tratamento de uma suposta doença cardíaca. 

O jogador de vôlei chegou a enviar 700 mil euros (R$ 4,3 milhões). Desconfiada, a família de Roberto começou a juntar provas do golpe e fez a revelação no programa de TV italiano.

A suspeita é que três pessoas estão envolvidas no golpe: a "amiga" que passou o contato de "Maya", o namorado dela e uma mulher de 50 anos, que vive na Sardenha, chamada Valeria, que fingia ser Alessandra Ambrosio. 

O atleta procurou a polícia para prestar queixa e o caso será apurado.

Mais notícias


Publicidade