Publicidade

viu essa?

O que é 'Noivinha do Aristides' que está bombando no Twitter?

Termo ganhou repercussão após mulher ser detida por chamar Bolsonaro de "noivinha do Aristides"

| Estadao Conteudo -

Presidente participou da Solenidade de Entrega de Espadas aos Novos Aspirantes, em Resende (Foto: Clauber Cleber Caetano/PR/Agência Brasil)


Se você entrou no Twitter na tarde desta segunda-feira (29), certamente se deparou com a palavra "Aristides" entre os assuntos mais comentados da rede social. Mas, se você ainda não entendeu o que a hashtag, com mais de 50 mil menções, significa, calma que o "Viu Essa" te explica!

A palavra faz parte de um apelido dado por uma motorista ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido). A mulher, de 40 anos, foi detida pela Polícia Rodoviária Federal porque teria chamado Bolsonaro de "noivinha do Aristides".  
  
ENTENDA O CASO 

No último sábado (27), o presidente estava à caminho da formatura de cadetes da Academia Militar das Agulhas Negras, em Resende, no Rio de Janeiro, quando parou na Via Dutra para cumprimentar policiais rodoviários. As informações são do jornal "O Antagonista". 

Nesse momento, um carro teria passado e a motorista teria chamado Bolsonaro de "noivinha do Aristides". Segundo a publicação, o veículo foi abortado pela Polícia Rodoviária Federal e a mulher, de 40 anos, detida por injúria contra o presidente da República. 

A frase viralizou. Porém, a Folha de S. Paulo teve acesso ao boletim de ocorrência registrado pela corporação. O documento informa que a mulher usou palavras de "baixo calão" e que teria dito "Bolsonaro filho da p...". Não há menção ao apelido pejorativo "noivinha".
 

MAS QUEM É ARISTIDES? 

A situação, é claro, repercutiu nas redes sociais e "Aristides" foi um dos assuntos mais comentados no Twitter na tarde de hoje. Não faltaram memes e comentários de políticos e parlamentares. 

De acordo com jornalistas e internautas, Aristides foi instrutor de judô na Academia Militar das Agulhas Negras, quando o presidente era cadete. 

Veja repercussão: 

 



Mais notícias


Publicidade