ACidadeON Ribeirão Preto

Ribeirão Preto
mín. 20ºC máx. 36ºC

esportes

Para belga, benefícios de vitória contra o Brasil vão além da Copa

Missionário belga reconhece força do Brasil, mas aposta no time europeu pelo orgulho nacional

| ACidadeON/Ribeirao


Em família: Belga Brecht e brasileira Iara se unem para torcer pela seleção europeia, mas apontam Brasil como favorito no duelo (Foto: Matheus Urenha / A Cidade)
A expressão "Não é só futebol" é utilizada quando alguém quer mostrar que uma partida pode representar muito mais do que três pontos ou uma classificação.  
 
É com esse espírito e pensamento que o missionário belga Brecht Van Neste, que mora em Ribeirão Preto há quase dois anos, está encarando o desafio de seu país natal contra o Brasil hoje, às 15h, na Arena de Kazan, valendo uma vaga na semifinal da Copa do Mundo da Rússia.  

Segundo ele, o resultado positivo contra a favorita seleção brasileira pode trazer reflexos muito maiores do que apenas uma comemoração esportiva.   

"Essa vitória é algo que precisamos muito como nação porque há muito separatismo no momento na Bélgica. Em Bruges, que fica próximo da região onde morava, uma pessoa em três quer a independência da Bélgica e esse movimento é muito forte. Deus está usando o esporte para curar a nossa identidade nacional. Na Bélgica falam-se três línguas e essa divisão separa o povo", afirmou o belga. 

Passar pelo Brasil seria um sonho para Brecht e um motivo de orgulho para um país inteiro. "Não temos nenhum orgulho nacional e se você usa a bandeira belga você se torna opositor aos separatistas. No futebol, isso não acontece e o povo tem a oportunidade de mostrar o nosso orgulho. Essa vitória contra o Brasil seria muito importante para o fortalecimento da nossa identidade nacional", disse. 

O missionário sabe que anular jogadores como Neymar e Philippe Coutinho não será uma missão das mais fáceis, mas acredita em vitória da seleção belga, por 3 a 1.   

"O Brasil é uma referência no mundo em termos de futebol, é mais talentoso, mas a Bélgica pode ser mais perigosa se aplicar a nossa mentalidade vencedora."  

Oportunidade  

A Bélgica espera ter neste ano a oportunidade de voltar a disputar uma semifinal de Copa do Mundo e igualar a melhor participação do País em Copas do Mundo.   

Em 1986, os belgas passaram pela Espanha nas quartas de final e disputaram a semifinal contra a Argentina. Os sul-americanos venceram, por 2 a 0, e os europeus terminaram aquele Mundial na 4ª colocação.   

"Estou com o meu marido e vou torcer também para a Bélgica porque eles têm time para ganhar essa Copa do Mundo e será importante para ter uma noção maior de unidade na Bélgica. Como brasileira fico com o coração dividido, mas agora vamos apoiar o meu marido porque não é fácil abrir mão da nação em nome do amor e a família inteira será Bélgica amanhã (hoje)", disse Iara Van Neste, 35, mulher do belga, que também é missionária. 

"É impressionante que um país menor do que o Estado de São Paulo possa estar entre os oito melhores países da Copa do Mundo. Vai ser um jogo top e vamos quebrar a barreira das quartas de final", disse Brecht Van Neste.

Uma história de amor internacional 

O belga Brecht e a brasileira Iara estão acostumados a levar palavras de fé ao redor do mundo. Em uma dessas oportunidades, eles se conheceram durante passagem por escola missionária, em Moçambique, em 2014.   

Pouco tempo depois, ela se mudou para seguir com o trabalho em Jerusalém, enquanto que ele retornou à Bélgica. Após isso, passaram a se comunicar pela internet e, em março de 2015, começaram a namorar.   

Em setembro de 2016, já no Brasil, eles oficializaram a relação com o casamento. "Vou receber a minha cidadania em alguns meses e serei belga e brasileiro", disse Brecht.   

Inicialmente, os planos incluíam a viagem do casal para a Bélgica após o casamento, mas por causa de problemas na documentação da missionária para regularizar o visto de entrada no país europeu, eles decidiram permanecer em Ribeirão.   

Agora, com a pequena Shalom nos braços, que nasceu em maio deste ano, o planejamento foi refeito. "Estamos acertando tudo para nos mudarmos no ano que vem para a Bélgica e o sonho é morar em Bruxelas", afirmou Iara.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Cadastrados

Nome (obrigatório)
Email (obrigatório)
Comentário (obrigatório)
0 comentários

Veja também