- Publicidade -
EconomiaAves natalinas ficam 10% mais caras em Araraquara após aumento no preço de rações

Aves natalinas ficam 10% mais caras em Araraquara após aumento no preço de rações

Produtos começam a ganhar destaque nas gôndolas dos supermercados, mas estão mais caros em comparação com o ano passado

- Publicidade -

*Por EPTV Central

As aves natalinas começam a ganhar destaque nas gôndolas dos supermercados com a aproximação das festas de final de ano. Mas, o consumidor mais atento notou que os “queridinhos” das ceias estão custando em média 10% a mais em comparação com 2022.

- Publicidade -

Em uma rede de supermercados de Araraquara, o quilo do peru está custando quase R$ 27, enquanto o frango natalino está quase R$ 24 e o frango tradicional R$ 8,90. Em média, as aves ficaram mais caras em relação ao ano passado e o gerente explicou os motivos.

“O principal argumento que os fornecedores passam é a condição climática para a ração que engorda as aves. O milho, a soja que precisam ser importados e as questões econômicas acabaram acarretando no aumento do preço e temos que repassar ao consumidor final”, explicou.

Carlos Figueroa, gerente de marketing

Pelos corredores, os consumidores mais atentos notaram a mudança significativa nos preços. O representante comercial Davi Carmello achou caro o frango natalino e disse estar pensando em uma alternativa para as ceias de final de ano em sua casa.

“Vamos ter que abrir mão e optar por algo mais em conta para fazer no final do ano. Vou ver com a esposa o que ela acha melhor, pegar um frango mais barato ou um peru, mas vamos decidir ainda. Está pesando no bolso”, considerou.

Davi Carmello, representante comercial

A dona de casa Laurice Freire decidiu esperar um pouco para comprar o peru. “Está bem salgado o preço. Mas vamos ver se mais para frente abaixa, vou esperar chegar mais próximo do Natal, de repente achamos alguma oferta e aí tem que ir procurando”, relatou.

Aves natalinas estão mais caras em comparação com o ano passado (Foto: Reprodução EPTV)

Em outro supermercado de Araraquara, as aves mais consumidas no Natal também estão mais caras. No estabelecimento comercial, o aumento foi de 8% em relação ao ano passado e isso vale para frango natalino, frango tradicional e também para o peru. Mas, mesmo com esse reajuste, a expectativa dos varejistas é de aumento nas vendas durante as festividades.

“Esperamos um crescimento entre 5 e até 10 nessa categoria em relação a 2022, porque entendemos que é uma data especial, ocorre uma vez ao ano, as famílias acabam de alguma forma se reunindo, então sempre pensamos positivo. O varejista não pode pensar negativo”.

Sérgio Gomes, diretor de operações do supermercado

E de fato tem consumidor que não abre mão dos produtos natalinos na mesa, mesmo com o preço mais alto. A aposentada Tereza Albino, por exemplo, pretende apostar na ceia comunitária para não pesar no bolso dos familiares.

- Publicidade -

“O preço está meio pesadinho. Mas, como fazemos comunitário, onde cada um leva uma coisinha, acredito que vai ter bastante coisa”, afirmou.

“Não abrimos mão, porque têm as crianças, os netos e faz falta na mesa em uma ceia de Natal”, considerou.

Valéria da Silva, dona de casa

Para driblar os preços mais caros das aves natalinas, uma dica valiosa que está na ponta da língua de alguns consumidores é pesquisar os preços em diferentes estabelecimentos.

FIQUE ON

Quer ficar ligado em tudo o que rola em Araraquara e região? Siga o perfil do acidade on Araraquara no Instagram e também no Facebook.

Receba notícias do acidade on Araraquara no WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta acessar o link aqui.

Faça uma denúncia ou sugira uma reportagem sobre Araraquara e região por meio do WhatsApp do acidade on: (16) 99151-3088.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Notícias Relacionadas
- Publicidade -