- Publicidade -
CotidianoPF investiga ex-gerente da Caixa por desvio de R$ 1 milhão de idosos

PF investiga ex-gerente da Caixa por desvio de R$ 1 milhão de idosos

Homem é alvo de operação da Polícia Federal que cumpriu mandados de busca e apreensão na região

- Publicidade -

A PF (Polícia Federal) de Campinas investiga um ex-gerente da CEF (Caixa Econômica Federal) suspeito de desviar cerca de R$ 1 milhão das contas de clientes idosos. Por conta da apuração, o órgão cumpriu mandados de busca e apreensão nesta quarta-feira (3) em endereços dele em Amparo. O homem usava os privilégios da função para pedir cartões e realizar movimentações financeiras.

Segundo o delegado-chefe da PF de Campinas, Edson Geraldo de Souza, os crimes resultaram em um desvio de mais de R$ 1 milhão e foram cometidos de outubro a novembro de 2022, enquanto o homem atuava na gerência de uma unidade do banco em Itatiba, na RMC (Região Metropolitana de Campinas).

- Publicidade -

Como o ex-gerente agia?

De acordo com Souza, o investigado usava os privilégios de seu cargo para pedir novos cartões, fazer cadastros e realizar outras movimentações financeiras, como transferências, saques, pagamentos e utilização de PIX. O profissional também aproveitava do cargo para fazer compras no débito.

“O que nós temos é uma constatação eletrônica já de todas as movimentações que foram feitas nas contas desses clientes através de PIX, internet banking e cartões de débito. O que nós temos também é a aquisição de itens de luxo comprados a partir das movimentações bancárias”, explicou em entrevista.

Além dos produtos que teriam sido adquiridos com o dinheiro, veículos e celulares relacionados ao suspeito também foram apreendidos nesta manhã. A partir das ações, a PF deve continuar com a apuração. A intenção é detalhar se o homem agia sozinho, ou se repassava os valores a terceiros (leia mais abaixo).

Quem são as vítimas?

Ainda conforme a investigação, pelo menos cinco clientes idosos da agência bancária foram lesados. As contas dos alvos eram escolhidas por terem altas quantias e poucas movimentações na época, o que facilitaria os crimes.

O homem foi demitido?

Os desvios foram percebidos pela Caixa e o ex-gerente foi demitido meses depois. As informações sobre as irregularidades foram compiladas e fornecidas pela corregedoria da instituição à PF, que abriu o inquérito em julho do ano passado.

- Publicidade -

A partir da apuração, a Polícia Federal obteve dois mandados de busca e apreensão para hoje. As ações foram autorizadas pela 1ª Vara Federal de Bragança Paulista e têm o objetivo de comprovar todas as irregularidades.

A CEF foi procurada, mas ainda não se manifestou oficialmente sobre o caso.

O que falta saber?

O delegado-chefe da PF, Edson Geraldo de Souza, diz que algumas transações e transferências eram realizadas para contas de terceiros, o que indica que mais pessoas podem ser investigadas a partir de agora. “Afinal, esses terceiros eram ‘laranjas’, ou ‘testas de ferro’? Ou não sabiam das irregularidades”, explica.

A pena pela prática de peculato pode chegar a 12 anos de prisão, segundo a PF.

Quer ficar ligado em tudo o que rola em Campinas? Siga o perfil do acidade on Campinas no Instagram e também no Facebook.

Receba notícias do acidade on Campinas no WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta acessar o link aqui!

Faça uma denúncia ou sugira uma reportagem sobre Campinas e região por meio do WhatsApp do acidade on Campinas: (19) 97159-8294.

LEIA TAMBÉM NO ACIDADE ON PIRACICABA

Vídeo mostra PM chutando cadeirante durante abordagem policial violenta

Entregador de Piracicaba leva tiro depois de discutir com motorista

- Publicidade -
Leandro Las Casas
Leandro Las Casas
Graduado pela PUC-Campinas desde 2011, atua há 14 anos no Jornalismo, área na qual cobriu sete eleições, participou de grandes coberturas e esteve a frente de podcasts e projetos de assessoria. Começou a carreira na rádio CBN Campinas, onde foi estagiário, repórter e apresentador. No acidade on Campinas, assina matérias e reportagens de todas as editorias desde 2021.
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Notícias Relacionadas
- Publicidade -