- Publicidade -
PolíticaUrnas são levadas para locais de votação em Campinas

Urnas são levadas para locais de votação em Campinas

Carros de cada zona eleitoral fizeram o transporte entre o Palácio da Justiça e as escolas, colégios e faculdades de Campinas

- Publicidade -
- Publicidade -

 

Unras eletrônicas foram levadas aos locais de votação em Campinas (Foto: Reprodução/EPTV Campinas)
Unras eletrônicas foram levadas aos locais de votação em Campinas (Foto: Reprodução/EPTV Campinas)

As urnas que serão usadas amanhã (30) no segundo turno das eleições em Campinas começaram a ser entregues na manhã deste sábado (29). O transporte foi feito entre o Palácio da Justiça e os 263 locais de votação da cidade. Durante a manhã, os funcionários da Justiça Eleitoral também fizeram a vistoria de véspera nas urnas de contingência, usadas para substituir equipamentos com problemas. 

Logo cedo, os carros de cada zona eleitoral de Campinas saíram aos poucos do Palácio da Justiça, sede da Justiça Eleitoral no Centro de Campinas, em direção a escolas e faculdades. A saída, o trajeto e a chegada aconteceram sob a escolta da GM (Guarda Municipal) ou da PM (Polícia Militar). As duas corporações, inclusive, programaram operações especiais de segurança para este domingo

Ao todo, cerca de 2.500 urnas serão usadas amanhã pelos mais de 878 mil eleitores da cidade. Nos locais de votação, os equipamentos foram testados, desligados e só voltarão a ser ativados pelos mesários responsáveis no início da manhã. Já as urnas de contingência serão mantidas no Palácio da Justiça e ficarão à disposição caso haja necessidade de alguma substituição. 

 

LEIA TAMBÉM

Bolsonaro e Lula focam em troca de acusações em debate e deixam propostas de lado

- Publicidade -

Saiba como votar fora da área de residência

 

PRAZO PARA O E-TÍTULO

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) alerta aos eleitores que termina neste sábado, véspera do segundo turno, o prazo para download e atualização do e-Título, documento eletrônico de identificação que substitui a versão em papel do título de eleito (veja como baixar o aplicativo abaixo).

A orientação do TSE é de que o eleitorado siga as regras de utilização e baixe ou atualize o e-Título o quanto antes, para evitar dificuldades que possam surgir ao deixar a emissão para a última hora.

CONFIRA PASSO A PASSO

O Download do e-Título é gratuito e pode ser feito em celulares e tablets,  para os sistemas Android e iOS, via App Store e Google Play.

“É preciso que você já tenha um registro na Justiça Eleitoral para liberar o título digital, que pode ser acessado a qualquer momento. Após baixá-lo, basta inserir os dados pessoais solicitados e responder a algumas perguntas. Para validar o acesso, as informações são cruzadas com as que constam no sistema da Justiça Eleitoral”, explica o TSE.

Segundo o tribunal, eleitores que já têm o e-Título devem verificar se está tudo certo, mantendo o app atualizado e que dificuldades costumam ser resolvidas com a reinstalação do aplicativo. Porém, a orientação é que eleitores não deixem para a última hora, pois no dia da eleição não será possível resolver eventuais problemas com o uso do app (LEIA A NOTÍCIA COMPLETA AQUI).

LEIA MAIS

Confiança do comércio e dos serviços cai em outubro

- Publicidade -
Mídias Digitais
Mídias Digitaishttps://www.acidadeon.com/
A nossa equipe de mídias digitais leva aos usuários uma gama de perspectivas, experiências e habilidades únicas para criar conteúdo impactante., com criatividade, empatia e um compromisso com a ética e credibilidade.
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Notícias Relacionadas
- Publicidade -