Aguarde...

ACidadeON Ribeirão Preto

Ribeirão Preto
mín. 20ºC máx. 36ºC

R$ 5,26 bilhões foi o faturamento dos 20 principais times de futebol em 2018

Um aumento de 2,4% frente aos R$ 5,14 bilhões de 2017

| ACidade ON

Esses times respondem por 81% do total da receita, atualmente em R$ 6,5 bilhões. Os dados são de uma pesquisa da consultoria de marketing esportivo Sports Value, divulgada em primeira mão para o site EXAME.

1. Palmeiras
Receita em 2018: R$ 653,9 milhões
Variação 2017-2018: 30%
Transferências de Jogadores: R$ 170 milhões
Direitos de TV: R$ 137 milhões
Bilheteria: R$ 116 milhões
Patrocínio e Publicidade: R$ 95 milhões
Sócio torcedor: R$ 48 milhões
Clube social: R$ 38 milhões
Premiações: R$ 33 milhões
Licenciamento de marca: R$ 5 milhões
Outras: R$ 12 milhões

2. Flamengo
Receita em 2018: R$ 542,8 milhões
Variação 2017-2018: -16%
Direitos de TV: R$ 222 milhões
Patrocínios: R$ 90 milhões
Transferências de jogadores: R$ 64
Clube Social: R$ 52 milhões
Sócio-Torcedor: R$ 48 milhões
Bilheteria: R$ 45 milhões
Outras: R$ 22 milhões

3. Corinthians
Receita em 2018: R$ 469,9 milhões
Variação 2017-2018: 3%
Direitos de TV: R$ 198 milhões
Transferências de Jogadores: R$ 119 milhões
Bilheteria: R$ 61 milhões
Patrocínio e Publicidade: R$ 43 milhões
Social e Amador: R$ 32 milhões
Premiações, Fiel torcedor e loterias: R$ 18 milhões

4. São Paulo
Receita em 2018: R$ 424,5 milhões
Variação 2017-2018: -12%
Transferências de Jogadores: R$ 155 milhões
Direitos de TV: R$ 135 milhões
Social e Amador: R$ 34 milhões
Bilheteria: R$ 31 milhões
Patrocínio e Publicidade: R$ 23 milhões
Estádio: R$ 21 milhões
Licenciamento de marca: R$ 9 milhões
Sócio Torcedor: R$ 9 milhões
Outras: R$ 7 milhões

5. Grêmio
Receita em 2018: R$ 420,3 milhões
Variação 2017-2018: 13%
Direitos de TV: R$ 137 milhões
Transferências de jogadores: R$ 132 milhões
Sócios: R$ 80 milhões
Patrocínio e Publicidade: R$ 34 milhões
Royalties: R$ 17 milhões
Bilheteria: R$ 1 milhão
Outras: R$ 19 milhões

6. Cruzeiro
Receita em 2018: R$ 386,8 milhões
Variação 2017-2018: 12%
Direitos de TV: R$ 191 milhões
Transferências de Jogadores: R$ 90 milhões
Patrocínios: R$ 33 milhões
Bilheteria: R$ 24 milhões
Sócio Torcedor: R$ 23 milhões
Clube social: R$ 19 milhões
Outras: R$ 7 milhões

7. Fluminense
Receita em 2018: R$ 297,4 milhões
Variação 2017-2018: 30%
Transferências de Jogadores: R$ 119 milhões
Direitos de TV: R$ 113 milhões
Social e Amador: R$ 18 milhões
Patrocínio e Publicidade: R$ 13 milhões
Bilheteria: R$ 11 milhões
Sócio Torcedor: R$ 5 milhões milhões
Outras: R$ 18 milhões

8. Internacional
Receita em 2018: R$ 293,3 milhões
Variação 2017-2018: 19%
Direitos de TV: R$ 102 milhões
Sócios: R$ 64 milhões
Transferências de jogadores: R$ 51 milhões
Patrocínio e Publicidade: R$ 39 milhões
Premiações: R$ 16 milhões
Bilheteria: R$ 14 milhões
Royalties: R$ 3 milhões
Outras: R$ 6 milhões

9. Vasco da Gama
Receita em 2018: R$ 260,9 milhões
Variação 2017-2018: 29%
Direitos de TV: R$ 100 milhões
Transferências de Jogadores: R$ 86 milhões
Bilheteria: R$ 15 milhões
Social e Amador: R$ 14 milhões
Premiações: R$ 13 milhões
Patrocínio e Publicidade: R$ 11 milhões
Outras: R$ 22 milhões

10. Atlético-MG
Receita em 2018: R$ 258 milhões
Variação 2017-2018: -17%
Direitos de TV: R$ 100 milhões
Transferências de Jogadores: R$ 81 milhões
Patrocínio e Publicidade: R$ 27 milhões
Sócio Torcedor: R$ 14 milhões
Clube social: R$ 10 milhões
Bilheteria: R$ 8 milhões
Outras: R$ 19 milhões